Início B2 Turismo da Madeira foi ‘assim-assim’ em 2019

Turismo da Madeira foi ‘assim-assim’ em 2019

COMPARTILHE

Dados divulgados esta terça-feira pela Direcção Regional de Estatística da Madeira (DREM) sobre a actividade turística referentes ao total de 2019, dizem que as dormidas na região recuaram 2,8% face ao ano anterior.

Na hotelaria as dormidas caíram 4,1% mas os proveitos totais e de aposento cresceram 4,9% e 4,5%, respectivamente.

Em 2019 registaram-se 8,1 milhões de dormidas no turismo da região autónoma. O mercado nacional representou 12,5% do total de dormidas, tornando-se o 3º maior mercado da Madeira, atrás da Alemanha e Grã-Bretanha.

As dormidas nacionais atingiram 1 milhão, uma subida de 8,5%, face ao ano anterior, enquanto as dormidas de estrangeiros atingiram 7,1 milhões, correspondendo a um decréscimo de 4,3%. Os principais mercados emissores foram a Alemanha, Reino Unido, França, Países Baixos, Polónia, Dinamarca e Suécia, que concentraram 78,1% das dormidas de estrangeiros não residentes.

O RevPar, que mede o proveito obtido por quarto disponível, atingiu em 2019 os 44,29 euros ou seja, menos 6,7% que em 2018, enquanto o proveito de aposento por quarto utilizado (ADR), no conjunto do alojamento turístico rondou os 68,83 euros em 2019, cifrando-se numa queda de 0,8% quando comparado com o ano transacto.

O alojamento local obteve 1,2 milhões de dormidas, mais 4% em comparação com o período homólogo.

O inquérito aos campos de golfe revela a realização de 65 387 voltas nos 3 campos de golfe da RAM no ano de 2019 (-1,2% que em 2018), tendo gerado cerca de 2,6 milhões de euros de receitas. 73,1% dessas voltas foram realizadas por turistas provenientes na sua maioria dos Países Nórdicos, Portugal e Alemanha. 58,1% das voltas foram vendidas por estabelecimentos hoteleiros e afins, 22,1% por operadores turísticos e os restantes 19,8% pelos próprios campos de golfe.

De acordo com os dados fornecidos pela Administração dos Portos da RAM, foram contabilizados no passado 588 925 passageiros em trânsito em navios de cruzeiro nos portos da RAM, +1,7% que em 2018. Comparativamente com o ano anterior existiram mais 5 escalas que no ano transacto, com 298 navios a atracarem nos Portos da RAM.

 



Mais notícias em OPÇÃO TURISMO Siga-nos no FaceBook , Instabram ou no Twitter

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here