Início B1 Siza Vieira considera incorrecta a decisão do Reino Unido

Siza Vieira considera incorrecta a decisão do Reino Unido

Não é uma decisão correcta, que seja fundamentada por razões objectivas de controlo da doença. O Reino Unido não cumpre o critério que definiu para a quarentena dos visitantes. Quem o disse foi o ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, que recordou que a União Europeia definiu que os países não devem aplicar “restrições à circulação” dos cidadãos dentro do espaço europeu.

Siza Vieira salientou que para os cidadãos britânicos, também não tem qualquer fundamento. Uma pessoa que possa estar em férias em Portugal ou em negócios, de repente é confrontado com esta decisão, disse.

O governante destacou ainda que com esta medida imposta pelo Reino Unido, os operadores económicos e turísticos vão ter um ano ainda mais difícil na sequência desta decisão.

Como o Opção Turismo já referiu numa outra notícia, o governo britânico retirou Portugal da lista de países seguros, com excepção das regiões da Madeira e Açores, e a partir de sábado obriga a cumprir uma quarentena de duas semanas ao chegar ao Reino Unido.

No Twitter, o ministro dos Transportes, Grant Shapps, disse que através de informação aperfeiçoada, agora temos a capacidade de avaliar ilhas separadas dos seus países continentais. Se chegar a Inglaterra vindo dos Açores ou Madeira, não precisará de se isolar por 14 dias.



Mais notícias em OPÇÃO TURISMO Siga-nos no FaceBook , Instabram ou no Twitter

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here