Início B2 Ryanair cancela voos de/para Itália durante três semanas

Ryanair cancela voos de/para Itália durante três semanas

A companhia aérea Ryanair anunciou que vai cancelar até 25% dos seus voos de curta duração, maioritariamente de e para Itália, entre 17 de março e 08 de abril, devido ao surto do novo coronavírus.

Num comunicado enviado pela companhia low-cost pode ler-se que a Ryanair já notificou os passageiros de que estava a reduzir o seu programa de voos de curta distância, nomeadamente de e para a Itália, em até 25% por um período de três semanas, ou seja, até dia 08 de abril, devido ao vírus Covid-19.

A Ryanair esclarece que na última semana registou uma queda significativa nas reservas para o período entre o final de março e o início de abril, devido ao surto do Covid-19, acrescentando que notou também um aumento significativo de passageiros que não comparecem em voos, principalmente com partida em Itália.

A companhia irlandesa garante que vai continuar a monitorizar cuidadosamente as reservas e a flexibilizar os seus horários, mediante os desenvolvimentos do surto de Covid-19, seguindo as directrizes da Organização Mundial de Saúde e da Agência Europeia para a Segurança da Aviação.

O presidente executivo do grupo Ryanair, Michael O’Leary, esclareceu em comunicado que a nossa prioridade neste momento é minimizar qualquer risco para o nosso pessoal e os nossos passageiros.



Mais notícias em OPÇÃO TURISMO Siga-nos no FaceBook , Instabram ou no Twitter