COMPARTILHE

Uma viagem de avião pode ser um desafio para os mais fanáticos por smartphones. Há excepção dos aviões com Wi-Fi, é impossível ter acesso às redes sociais, fazer chamadas telefónicas ou ver episódios de uma série.

Darius Rudinskas, vice-presidente do Instituto de Aviação Antanas Gustaitis da Universidade Técnica de Vilnius Gediminas, explica que isso acontece porque os aviões modernos são projectados com componentes de alta tecnologia que são sensíveis a sinais telefónicos.

Acrescenta ainda que a percentagem desse tipo de aviões em operação é pequena. Os aviões mais antigos são equipados com tecnologia analógica e o sinal do telemóvel pode interferir com estes instrumentos de navegação e isso não é seguro. O mesmo para equipamentos digitais mais antigos.

Assim que se recebe uma chamada telefónica, o telemóvel procura conectar-se com a torre de telecomunicações mais próxima. Como as antenas das torres estão apontadas para Terra, à medida que se voa mais alto, o sinal fica cada vez mais fraco até desaparecer.

Assim sendo nem sequer há uma possibilidade de fazer chamadas quando voamos. Mas o telemóvel vai sempre tentar ligar-se com a torre, interferindo com os componentes técnicos do avião e com os auscultadores dos pilotos. Se existir alguns dispositivos a bordo é possível gerir essas interferências, mas se for centenas de telemóveis o cenário muda.

Assim, algumas companhias aéreas oferecem Wi-Fi durante o voo. O sinal é 20 vezes mais fraco do que o do telemóvel e a instalação de um router é mais fácil porque o sinal vem de satélite, e portanto não traz problemas para o cockpit. A proibição do uso do telemóvel para se efectuar chamadas também surge como uma solução de controlo dos passageiros.

Segundo este especialista, o voo é baseado no controlo de massa. Quando banimos alguma coisa as pessoas são mais disciplinadas. Por isso as nossas restrições asseguram que todas as viagens são o mais seguras possíveis. Imaginemos que havia um aviso para apertar os cintos por causa da turbulência, mas todas as pessoas estavam ao telemóvel. A proibição torna a vida da tripulação mais fácil.

Mas será que algum dia será possível fazer chamadas telefónicas enquanto voamos? Darius Rudinskas duvida que tal possa vir a acontecer e que mesmo que o equipamento permita fazer chamadas, as companhias aéreas vão tentar evitar que as pessoas o façam.