COMPARTILHE

Segundo a Airhelp mais de 60 mil passageiros de Portugal ainda não reivindicaram compensações referentes a perturbações nos voos do Verão de 2018. Os dados divulgados pela companhia revelam, que existem cerca de 107.500 passageiros (de Portugal) que fizeram viagens durante o Verão do ano passado e que são elegíveis a receber compensações. Em causa atrasos superiores a três horas ou cancelamentos de voos.

No entanto os dados indicam que cerca de 60.700 desses passageiros ainda não reivindicaram os montantes a que têm direito sendo que correm o risco de perder a oportunidade. Os valores em causa podem ir até 600 euros por pessoa.

Na lista de países com passageiros elegíveis (viagens de 15 de Junho a 15 de Setembro de 2018) a receber compensações Portugal encontra-se na 10ª posição, muito abaixo da líder Alemanha, com mais de 569 mil passageiros.