Início Entrevista Os piores e os melhores destinos para viajar em 2020

Os piores e os melhores destinos para viajar em 2020

COMPARTILHE

A empresa internacional de serviços de risco médico e de segurança International SOS lançou agora o seu 11º Mapa Anual de Riscos de Viagem, que prevê os lugares mais e menos perigosos para viajar em 2020.

Nesse mapa, também se incluem os problemas mais importantes que os viajantes enfrentarão no novo ano.

A maioria dos destinos mais perigosos está em regiões afectadas pela instabilidade, como África e Oriente Médio, incluindo lugares como Líbia, Síria, Iraque, Iémen, Somália, Sudão do Sul, República Centro-Africana, Afeganistão, Mali e determinadas zonas do Egipto, Paquistão, leste da Ucrânia e Congo.

Como esperado, vários desses países foram designados destinos de Nível 4, ou seja, de ‘não viajar’, pelo Departamento de Estado dos Estados Unidos da América.

Para a International SOS, existem determinadas regiões em cada país que podem estar em maior risco ou serem mais perigosas do que outras. Portanto, é importante conhecer bem para onde se vai,  em vez de descartar completamente as viagens a esse país.

A International SOS também identificou os oito principais riscos geopolíticos do mundo que podem afectar os viajantes em 2020: as próximas eleições presidenciais dos Estados Unidos; a natureza mutável da participação dos Estados Unidos no Oriente Médio; tensões na península coreana; a competição entre Estados Unidos e China no espaço geopolítico e comercial; o terrorismo; as revoltas populares na América do Sul; os distúrbios sociais e políticas de identidade na Europa; e o papel da Rússia como um importante actor global diante da retirada dos Estados Unidos.

Riscos médicos, clima e crimes cibernéticos estão entre outros riscos que persistirão em 2020.

Quanto aos desastres naturais recorda que estão a acontecer em todos os cantos do mundo. Portanto, a International SOS recomenda estar o mais preparado possível e estar bem ciente dos riscos e, sobretudo, ter uma maneira de se manter informado se algo acontecer.

Os viajantes que procuram minimizar seus riscos no próximo ano devem considerar uma fuga para a Europa ou o Caribe, de acordo com uma pesquisa internacional da SOS.

Entre os destinos menos perigosos do mundo para 2020, estão a Islândia, Groenlândia, Noruega, Dinamarca, Finlândia, Eslovénia, San Merino, Suíça, Ilhas Turks e Caicos, Ilhas Cayman, Anguila, Seychelles, Cabo Verde, Palau e Ilhas Marshall. E, naturalmente, Portugal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here