COMPARTILHE

O Teatro Politeama voltou aos grandes musicais, com a estreia, em março passado, de mais um grande sucesso de Filipe La Féria: “Severa – O Musical”, sobre a mítica fundadora da canção nacional, a fadista que ficou na História como a primeira cantadeira de Fado, uma narrativa imortal de amor e paixão entre o Conde de Marialva e a célebre fadista.

“Severa – O Musical” vai transportar-nos ao século XIX em Portugal, às esperas de touros, às tabernas da Mouraria, aos salões da aristocracia, à guerra entre liberais e absolutistas e à vida da criadora do Fado, num espectáculo glamoroso, romântico e pleno de emoção e aventura. Uma perfeita alegoria do labirinto de paixões e conflitos que marcou o Fado.

Com um grande elenco de artistas, protagonizado por Anabela, Carlos Quintas, Filipa Cardoso, Dora, entre mais de 30 actores, cantores e bailarinos, com uma música original de Miguel Amorim, Jorge Fernando e Filipe La Féria que além do Fado criaram melodias que englobam todos os géneros musicais numa partitura de um grande musical, figurinos requintados de Mestre José Costa Reis e cenários deslumbrantes, “Severa” irá marcar o regresso do Teatro Politeama aos grandes musicais onde La Féria aposta naquele que será o melhor espectáculo da sua vida.

“Severa – O Musical” é um tema português que fala da nossa História, do nosso país, num espectáculo emocionante e forte, em que o Teatro, a Música, a Dança, a cenografia e a beleza dos figurinos, irão contribuir decisivamente para La Féria realizar o seu mais ambicioso espectáculo de sempre – mágico e comovente, cómico e emocionante, humano e profundo – sobre a vida da verdadeira criadora do Fado Português.