Madeira: situação de contingência até final do ano


O Governo Regional da Madeira prorrogou até ao final do ano a situação de contingência que previa ser revogada para 15 de Dezembro, mantendo agora as medidas em vigor de contenção da pandemia até ao final do ano.

Segundo o comunicado, a situação de contingência, em vigor desde 20 de Novembro devido ao aumento do número de casos Covid-19, será prorrogada por mais duas semanas, até às 23h59 do dia 31 de Dezembro.

Assim, a apresentação do certificado de vacinação e do comprovante de prova ainda é obrigatória para ingresso em espaços esportivos, restaurantes, cabeleireiros, hotéis, academias, bares e discotecas, eventos culturais, cinemas, atividades noturnas, jogos, cassinos e outras atividades sociais semelhantes Para ter acesso a supermercados, comércio, transportes públicos, farmácias e clínicas, igrejas e outros locais de culto, e para realizar actos urgentes relacionados com a Justiça e recorrer a outros serviços essenciais, é mantida a apresentação de apenas um dos dois documentos.

O carácter obrigatório da apresentação de provas faz com que os cidadãos façam testes rápidos gratuitos de sete em sete dias, período durante o qual os resultados são considerados válidos.

Também estão em vigor todas as medidas básicas de proteção individual e colectiva, em ambientes abertos e fechados, como o uso de máscaras, higienização, desinfecção das mãos e distância social de 1,5 metros.

,

error: Content is protected !!