Madeira: 19,3 ME em proveitos no mês de Janeiro


No mês de Janeiro de 2022, estimou-se um total de 391,9 mil dormidas no alojamento turístico, traduzindo um acréscimo bastante expressivo, de 227,7%, em comparação com o mês homólogo, refere a Direção Regional de Estatística da Madeira (DREM), acrescentando que em Janeiro de 2021 foram registadas 119,6 mil dormidas

Todavia, a DREM destaca que este número ficou 25,6% abaixo do valor apurado no mesmo mês de 2019, com 526,7 mil dormidas.

Já no que concerne aos proveitos totais, de 19,3 milhões de euros, cresceram 253,9% em Janeiro de 2022 relativamente ao período homólogo. Também os proveitos de aposento, de 12,9 milhões de euros, apresentaram um acréscimo de 265,4%, diz a DREM.

A Direção Regional de Estatística salienta que, analisando por segmento, verifica-se que foi a hotelaria que apresentou a maior percentagem de estabelecimentos do seu segmento com movimento de hóspedes (84,9%), seguido do alojamento local com 73,5% e do turismo no espaço rural com 70,5%.

Aliás, refira-se que a hotelaria concentrou 76,3% das dormidas de Janeiro de 2022, crescendo 299,4% em termos homólogos, enquanto o alojamento local registou um aumento de 105,8%, congregando 21,4% do total de dormidas, sendo que o turismo no espaço rural e de habitação observou apenas 2,3% das dormidas, correspondendo a um acréscimo de 127,6%.

,

error: Content is protected !!