Início B2 Macau: receitas da Galaxy descem no 3º trimestre

Macau: receitas da Galaxy descem no 3º trimestre

COMPARTILHE

De acordo com um comunicado do Grupo Galaxy Entertainment (GEG), as receitas líquidas foram de 1,5 mil milhões de euros entre julho e setembro passados.

O GEG, com casinos em Macau, anunciou uma queda de 2% nas receitas do terceiro trimestre do ano, em relação a igual período de 2018, e de 4% comparativamente ao trimestre passado.

No mesmo período, o EBITDA (lucros antes de impostos, amortizações e depreciações) ajustado do grupo subiu 6% em relação ao terceiro trimestre de 2018 para 473 milhões de euros.

No entanto, em comparação com o segundo trimestre deste ano, o EBIDTA ajustado desceu 5%.

Recorde-se que ao longo de 2019, Macau enfrentou vários acontecimentos, incluindo alguns que se mantêm como as tensões comerciais entre a China e os Estados Unidos, um abrandamento da economia global, a concorrência regional, as flutuações das divisas e a crise em Hong Kong, entre outros.

O presidente executivo do GEG, Lui Che Woo, salientou que estes acontecimentos tiveram o seu impacto no sentimento dos consumidores e consequentemente no padrão das despesas.

O responsável do grupo, com seis casinos em Macau, indicou que as obras de expansão no Cotai, faixa de casinos entre as ilhas da Taipa e de Coloane, estão a progredir, com especial foco nos elementos não-jogo, bem como os projectos de desenvolvimento de um resort em Hengqin (ilha da Montanha).

Em relação à aposta do GEG no Japão, Lui Che Woo disse que a equipa de desenvolvimento continua a fortalecer-se, bem como os recursos do grupo, à medida que avança no processo de resorts integrados no país.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here