COMPARTILHE

A multinacional norte-americana Boeing anunciou no final da semana que registou um lucro de 2.149 milhões de dólares, algo como cerca de 1.913 milhões de euros, no primeiro trimestre. Ou seja, menos 13% do que no período homólogo do ano passado.

Em comunicado, a empresa explicou que estes resultados foram influenciados pela proibição de voos com aviões 737 Max 8 e 9, devido aos acidentes ocorridos na Indonésia e na Etiópia.

Por sua vez, no período em causa, as receitas da fabricante aeronáutica ascenderam a 22.917 milhões de dólares (20.398 milhões de euros), menos 2% do que em igual período de 2018.

A companhia vincou ainda que continua a trabalhar com os reguladores internacionais e com as suas companhias associadas para “provar exaustivamente” o ‘software’.

Recorde-se que a agência federal de aviação norte-americana proibiu os voos com aparelhos Boeing 737 MAX após os dois acidentes trágicos da Lion Air e da Ethiopian Airlines.



Mais notícias em OPÇÃO TURISMO Siga-nos no FaceBook , Instabram ou no Twitter