COMPARTILHE

Segundo o relatório “Top 100 City Destinations”, da britânica Euromonitor International, Jerusalém é o destino turístico (das 100 analisadas) com a maior taxa de crescimento – 38% (contra os 23 por cento registados em 2017).

O relatório aponta a capital de Israel como uma das quatro cidades a observar em termos de popularidade, a par de Mumbai, Porto e Osaka. O que pode significar uma subida no ranking em relatórios futuros – em 2018 foi posicionada na 63ª posição.

Os dados da Euromonitor apontam para um crescimento de 47% nas dormidas em Jerusalém, sendo que a cidade tem cerca de 20 mil camas disponíveis. No final do ano, e segundo estimativas do ministro do Turismo israelita a cidade deve atingir os 3,6 milhões de turistas, número que representa um aumento de 15% face aos valores obtidos em 2017.