Início B4 HiFly diz não ao plástico descartável a bordo

HiFly diz não ao plástico descartável a bordo

COMPARTILHE

 

Desde o dia 1 de Janeiro, a operadora aérea portuguesa HiFly diz não aos artigos de plástico descartável a bordo dos seus aviões

Neste sentido, a transportadora substituiu os talheres de plástico por bambu e utensílios e equipamentos de catering como chávenas, colheres, saleiros e pimenteiros, invólucros de roupa de cama, loiças, embalagens de manteiga individuais, garrafas de refrigerantes e escovas de dentes, por alternativas compostáveis ​​fabricadas a partir de material reciclado.

O objectivo é evitar a utilização de cerca de 350 kg de plástico de uso único por voo, praticamente indestrutível, que prejudica o ambiente.

Esta iniciativa enquadra-se na política de sustentabilidade e no compromisso assumido pela HiFly com o apoio do seu principal parceiro de sustentabilidade, a Fundação Mirpuri, pioneiros na promoção de uma aviação mais ecológica, comprometidos com o futuro do planeta e sempre com um sentido de responsabilidade para com as gerações futuras.

Paulo Mirpuri, presidente da operadora aérea, lembra que mais de 100 mil voos descolam todos os dias em todo o mundo, e só o ano passado os aviões comerciais transportaram quase quatro mil milhões de passageiros, para acrescentar que este número deve duplicar novamente em menos de 20 anos, o que torna claro o potencial que existe para fazer a diferença.

É neste sentido que, de acordo com o executivo, que apoia uma política de sustentabilidade diz que trabalhamos para garantir que as nossas práticas estão em consonância com as responsabilidades que assumimos com o planeta.

Mais notícias em OPÇÃO TURISMO Siga-nos no FaceBook