Início B3 Grupo Moon & Sun expande-se no país com 4 novos projectos

Grupo Moon & Sun expande-se no país com 4 novos projectos

São quatro os projectos hoteleiros que o Grupo Moon & Sun tem actualmente em desenvolvimento, visando, assim uma expansão ambiciosa no território nacional.

Dois dos hotéis vão completar a família de 4 estrelas, com as aberturas em plena Baixa de Lisboa e no centro histórico de Évora, previstas para o primeiro e segundo semestre de 2022, respectivamente.

Além disso, preparam-se dois outros investimentos para o segmento premium: o primeiro hotel de 5 estrelas de Aveiro, que se irá localizar em pleno centro histórico, num edifício que outrora foi o Palacete Visconde de Valdemouro, residência dos pais de Eça de Queiroz. O hotel terá piscina interior e exterior, SPA, jardim, restaurante com cozinha de autor, um total de 40 quartos e está previsto para o segundo semestre de 2021.

A segunda unidade de cinco estrelas vai localizar-se no emblemático Mosteiro de Arouca, fundado no século XII e classificado como monumento nacional desde 1910. O edifício passa a ser gerido pelo grupo, ao abrigo do Programa Revive, e irá dar lugar a um luxuoso hotel, com cerca de 56 quartos e incluirá espaços para eventos. A abertura está prevista para o primeiro semestre de 2022.

O Grupo Moon & Sun começou a sua operação com a abertura da primeira unidade hoteleira em Março de 2019, o Moon & Sun Porto. O hotel de 4 de estrelas de estilo contemporâneo e design marcado pelo uso de linhas simples e depuradas, apresenta-se como o sítio ideal para sentir a vivência local, tanto do ponto de vista de negócios como de lazer.

Ainda no mesmo ano cadeia continua a sua estratégia de expansão com a abertura de mais um hotel na região Norte de Portugal. Desta vez escolhe um edifício histórico do centro Braga, que transforma num hotel de charme, permitindo uma vez mais que a vivência do estilo de vida local alicie os hóspedes a descobrir o melhor da cidade e da região.



Mais notícias em OPÇÃO TURISMO Siga-nos no FaceBook , Instabram ou no Twitter