Início B1 Fundos da UE devem ser usados para ajudar o turismo defende Thierry...

Fundos da UE devem ser usados para ajudar o turismo defende Thierry Breton

O Fundo de Recuperação e orçamento da União Europeia (UE) devem ser usados para ajudar o turismo a emergir com mais resiliência às crises que se avizinham, defendeu esta quinta-feira o comissário europeu do Mercado Interno, Thierry Breton.

O comissário, que intervinha por videoconferência num fórum internacional sobre educação, emprego e formação em turismo, considerou que a pandemia pode actuar como um acelerador da transformação do sector turístico e, para isso, a indústria, as autoridades públicas, os parceiros sociais, os fornecedores de educação e comércio devem unir forças.

Segundo Thierry Breton, as verbas do Fundo de Recuperação e do orçamento plurianual da UE, um pacote global de 1,8 biliões de euros, devem ser nomeadamente orientadas para o sector com um objectivo duplo: agir no curto prazo e impulsionar o investimento de longo prazo para a simples transformação do turismo em verde e digital.

Posição semelhante foi assumida pelo ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, que interveio igualmente por videoconferência, tendo apontado a importância dos instrumentos económicos europeus na recuperação e transformação do sector turístico para que este seja mais verde e digital.
Para o ministro, responsável também pela Transição Digital, as tecnologias digitais serão fundamentais no futuro da actividade turística, sobretudo na selecção de destinos, nos actos de compra e pagamento, no contacto entre empresas e clientes, entre outros.

No âmbito da presidência portuguesa do Conselho da União Europeia (UE), que teve início em 01 de Janeiro, Pedro Siza Vieira considera importante dar atenção ao turismo, tanto ao nível do investimento como da formação.

O ‘Fórum Internacional – Educação, Emprego e Formação em Turismo’ foi organizado pelo Ministério da Economia e da Transição Digital, no âmbito da Presidência Portuguesa do Conselho da União Europeia (UE), e pelo Turismo de Portugal, para debater a retoma, valorização e inovação deste sector da economia.



Mais notícias em OPÇÃO TURISMO Siga-nos no FaceBook , Instabram ou no Twitter