A localidade de Sobral Pichorro, em Fornos de Algodres, vai receber um investimento de 3,2 milhões de euros na criação de uma unidade de turismo de natureza. O lançamento da primeira pedra do investimento teve e presença da secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, do presidente da Câmara Municipal de Fornos de Algodres, Manuel Fonseca, e do cofundador do projecto, Anthony Graham Conway.

O empreendimento Vale das Lobas inclui a construção de um Nature Spa Hotel, com 23 quartos, restaurante e programas de bem-estar e deverá estar concluído dentro de dois anos.

O restaurante Rota 22 terá um conceito único, pois tem como objectivo que todos os vegetais que vierem a ser servidos resultem da colheita realizada no empreendimento.

No complexo existirá ainda a Aldeia do Artesão, um espaço que inclui 26 eco moradias, e um Parque de Campismo.

O custo do projecto está estimado em 3,2 milhões de euros e conta com um incentivo do Portugal 2020 no valor de 2,2 milhões de euros.

De acordo com os promotores, o projecto turístico irá incluir a reconstrução do Solar e da capela de Girões (datados do século XVII).

Este vale antigo e sagrado, que data da era do Neolítico nos locais de Fraga da Pena e Castro de Santiago, tem albergado o conhecimento tradicional e ancestral por séculos e providencia o lugar perfeito para que as pessoas possam fazer mudanças construtivas nas suas vidas.



Mais notícias em OPÇÃO TURISMO Siga-nos no FaceBook , Instabram ou no Twitter