Início Opção Turismo Falência: Pullmantur não dá por vencida

Falência: Pullmantur não dá por vencida

A companhia de cruzeiros Pullmantur não dá por vencida quanto ao processo de falência, e continua a negociar com os investidores um plano de viabilidade.

Desta forma, a Pullmantur desmente a informação veiculada na imprensa de que era assegurada a liquidação definitiva da empresa no prazo de um ano.

A mesma fonte indica que a administração da falência já apresentou os relatórios provisórios comunicando os activos e passivos da falência, enquanto tramita o Processo de Regulação do Trabalho (ERE), realçando, por outro lado, que está a finalizar o plano de viabilidade da empresa para operar novamente e retomar as providências adequadas para  atender às devoluções aos seus clientes e agências de viagens.

O administrador da falência, Data Bankruptcy , confirmou à agência EFE que estão a realizar reuniões muito avançadas com diversos investidores que têm interesse em entrar na empresa e financiar o plano de negócios que estão a preparar, e nega que os accionistas da companhia de cruzeiros tenham decidido não viabilizar a recuperação da empresa.

Os administradores da insolvência continuam a trabalhar no plano de negócios, que garantem que será concluído nas próximas semanas, para recuperação da empresa de cruzeiros, cuja participação está dividida entre o fundo Springwater (51%) e Royal Caribbean  (49%).

Em mensagem enviada através do seu perfil no Linkedin, Francisco Vera garantiu que continuamos e continuaremos, apesar de alguns não quererem ou não acreditarem. Obrigado a todos que trabalham dia a dia para que esta empresa renasça novamente.

A empresa, que suspendeu as operações em 13 de Março de 2020 no início da pandemia , entrou com pedido de falência voluntária em Agosto passado, quando Francisco Vera , presidente da Data Bankruptcy foi nomeado administrador da falência .

Desde então, a Pullmantur Cruzeiros está a trabalhar em um novo plano de negócios que garante a viabilidade da empresa e permite que ela volte a operar.

Em Novembro passado, a Pullmantur chegou a um acordo de cooperação com a Royal Caribbean para garantir a viabilidade da empresa, o que permitiu à primeira obter os fundos necessários para a elaboração do plano de viabilidade e pagar o programa de reembolso de reservas canceladas.



Mais notícias em OPÇÃO TURISMO Siga-nos no FaceBook , Instabram ou no Twitter