Início Opinião/Crónica Está o Alojamento Local em queda?

Está o Alojamento Local em queda?

COMPARTILHE

Entre desistentes e novos investidores, o Registo Nacional de Alojamento Local (RNAL) encerrou 2019 com 91.638 espaços em Portugal, dos quais 14.843 são novos registos, o que representa uma quebra de 40% face ao crescimento verificado em 2018.

Dos 91.638 registos de alojamento local contabilizados até 31 de dezembro de 2019, a maioria localiza-se no distrito de Faro, com 34.036 estabelecimentos, seguindo-se os distritos de Lisboa (24.753), Porto (11.057), Leiria (4.283), Setúbal (3.634) e ilha da Madeira (3.424).

Em termos de modalidade, a maioria dos estabelecimentos está em apartamentos, com 60.632 registos, seguindo-se a opção de moradia, com 24.012 registos, estabelecimento de hospedagem (6.303) e quartos (691).

O verdadeiro ‘boom’ da actividade de alojamento local começou em 2015, ano em que se registaram 9.719 novos estabelecimentos.

A tendência de crescimento continuou em 2016, ano em que se somaram 10.633 novos registos, em 2017, com 17.663 novos estabelecimentos, em 2018, com 24.535 registos, e em 2019, com 14.843 licenciamentos de alojamento local.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here