Início Breves Efemérides do dia – 16 janeiro

Efemérides do dia – 16 janeiro

Principais acontecimentos registados no dia 16 janeiro
Hoje é quinta-feira, dia 16 janeiro de 2020.
Este é o décimo sexto dia do ano.
Faltam 350 dias para o final do ano.
Os nascidos nesta data pertencem ao signo Capricórnio.
Hoje celebra-se o Dia Internacional da Comida Picante.

1537 – Os Estudos Gerais da Universidade de Lisboa são transferidos para Coimbra.

1547 – Ivan, O Terrível, é coroado Czar de todas as Rússias.

1778 – A França reconhece a independência dos EUA.

1809 – Invasões Francesas. O exército britânico do general Moore vence o exército francês na batalha de Corunha.

1831 – Morre, em Richmond, EUA, Pedro Francisco, herói português da guerra da Independência dos EUA. Tinha 71 anos.

1862 – Morre Passos Manuel, membro do Governo liberal, autor da reforma da educação, fundador dos liceus, dos conservatórios, das escolas politécnicas e das academias das finanças e da administração pública.

1913 – Um vapor encalha junto à praia da Boa Nova, Matosinhos, com mais de 220 pessoas a bordo.

1920 – Realiza-se a primeira reunião do conselho da Sociedade das Nações.

– Começa a chamada Lei Seca, nos EUA.

1944 – II Guerra Mundial. O general norte-americano Dwight Eisenhower assume o comando das forças aliadas na invasão da França e da Alemanha.

1953 – São dissolvidos os partidos políticos na Grécia.

1957 – Morre, aos 89 anos, o maestro italiano Arturo Toscanini.

1966 – Nasce o COJA – Clube Operário Jardim do Alva.

1969 – As cápsulas soviéticas Soyuz e Soyuz-4 fazem a primeira acoplagem no espaço.

1977 – O futebolista português João Alves marca o primeiro golo do Salamanca no campo do Real Madrid em 54 anos.

1979 – Depois de quase quatro décadas no poder o Xá do Irão Reza Pahlevi abandona o país, após meses de conflitos.

1980 – O Reino Unido e o Chile restabelecem relações diplomáticas, interrompidas em 1975, durante a ditadura, pela prisão e tortura da cientista britânica Sheila Cassidy.

1986 – O diplomata sueco Raoul Wallenberg, que salvou milhares de judeus dos campos nazis de extermínio, é nomeado cidadão honorário de Israel.

1987 – Sai pela primeira vez o Semanário Económico.

1989 – Portugal defende, em Viena, a abolição da pena de morte nos países subscritores da declaração final da Conferência de Segurança e Cooperação na Europa.

1990 – A primeira de uma série de manchas de crude, que totalizam mais de 20 quilómetros de extensão, atinge as costas norte e leste da ilha de Porto Santo, na Madeira.

1991 – Guerra do Golfo. Expirado o prazo da ONU, às zero horas, para a retirada do Koweit, Saddam Hussein insiste na ocupação. A Casa Branca anuncia o lançamento da operação Tempestade no Deserto.

1992 – A Guerra Civil em El Salvador termina com a assinatura do tratado de paz na Cidade do México. O conflito fez cerca de 75.000 mortos.

– Morre, aos 69 anos, Laura Ayres, coordenadora da Comissão Nacional de Luta contra a Sida.

1996 – Fernando Nogueira renuncia à presidência do PSD.

– O Presidente de Angola, José Eduardo dos Santos, recebe o Grande-Colar da Ordem Militar de Sant’Iago da Espada de Portugal.

– Chega a Split, Croácia, o primeiro destacamento de paraquedistas portugueses integrados na missão de manutenção da paz da NATO.

1998 – O Tribunal Constitucional da Turquia ilegaliza o Partido Islamita.

2000 – O chileno Ricardo Lagos vence a segunda volta das eleições presidenciais, tornando-se o primeiro socialista no cargo depois de Salvador Allende.

2001 – Um atentado em Kinshasa causa a morte do presidente da República Democrática do Congo, Laurent Kabila.

2002 – A Comissão Parlamentar de Defesa aprova o relatório final sobre urânio empobrecido.

2003 – Nos Estados Unidos, em Cabo Canaveral, Florida, é lançado o vaivém Columbia, para uma missão de 16 dias.

2006 – O português José Mourinho, campeão de Inglaterra ao serviço do Chelsea, é eleito o melhor treinador de futebol pelo terceiro ano consecutivo, pela UEFA.

2007 – Em Bagdad, uma vaga de atentados bombistas provoca mais de cem mortos e 169 feridos, a maioria estudantes, professores e funcionários de uma universidade da capital iraquiana.

– O eurodeputado alemão Hans-Gert Poettering, líder do PPE, é eleito presidente do Parlamento Europeu, à primeira volta.

– António Alves Barbosa, primeiro português a competir na Volta a França em bicicleta, em 1956, terminando em 10.º lugar na classificação geral, recebe a Medalha de Ouro da Juventude e dos Desportos de França.

2008 – A sonda Messenger começa a transmitir para a terra as primeiras fotografias da sua aproximação ao planeta Mercúrio que mostram com detalhe a sua superfície agreste

– O grupo petrolífero francês Total é condenado pela justiça francesa à “multa máxima” – 375.000 euros – pelo naufrágio do Erika em 1999, devido a “falha por imprudência” e que provocou uma gigantesca maré negra em França

– Morre, com 74 anos, Yunan Labib Rizk, um dos principais historiadores egípcios, autor de mais de 50 livros que desvendam muitos dos segredos do Egito antigo e moderno

– Morre Pierre Lambert, figura histórica do movimento trotskista francês, candidato à presidência da república em 1988 e mentor político do ex-primeiro-ministro socialista Lionel Jospin. Tinha 87 anos.

2009 – Morre, aos 91 anos, Andrew Wyeth, pintor norte-americano.

2011 – Morre, aos 76 anos, o compositor e maestro espanhol Augusto Algueró, conhecido pela trilha sonora de filmes do menino cantor Joselito, na década de 50.

2012 – Morre, com 66 anos, Bartolomeu Campos de Queirós, escritor brasileiro e um dos mais conhecidos autores de livros para crianças.

2013 – O Fundo Monetário Internacional (FMI) aprova o desembolso de uma tranche de 838,8 milhões de euros para Portugal, depois de dada a “luz verde” à sexta avaliação do programa de ajustamento português.

– O Presidente da República, Cavaco Silva, promulga a lei sobre a Reorganização Administrativa do Território das Freguesias.

2015 – O Tribunal da Concorrência, Regulação e Supervisão condena o BIC/BPN, o BPN-SGPS, a Galilei/SLN e os administradores José Augusto Costa, Luís Caprichoso e Francisco Sanches por falsificação de contabilidade, absolvendo os restantes arguidos do processo Contas

Investimento do BPN.

2016 – Pelo menos 23 pessoas de 18 nacionalidades distintas são mortas no ataque terrorista ao hotel Splendid, em Ouadagoudou, no Burkina Faso.

– O Conselho de Segurança da ONU levanta as sanções ao Irão, depois de a Agência Internacional de Energia Atómica ter confirmado que o país cumpriu todas as exigências para iniciar o acordo nuclear internacional.

– Os Estados Unidos e a União Europeia decidem levantar as sanções aplicadas ao Irão, logo após a AIEA ter confirmado que o país cumpriu todas as exigências, entrando em vigor o acordo nuclear assinado em julho, em Viena.

– Morre, aos 61 anos, o realizador Fernando Ávila.

2017 – Moçambique confirma que não vai pagar a prestação de janeiro, de 59,7 milhões de dólares, relativos aos títulos de dívida soberana com maturidade em 2023, entrando assim em incumprimento financeiro (‘default’).

– Morre, aos 82 anos, Eugene Cernan, o astronauta norte-americano, que esteve no espaço por três vezes, na última delas como comandante da Apollo 17, a última das missões do Programa Apollo a pousar na Lua.

2018 – Morre, aos 78 anos, Madalena Iglésias, cantora que venceu o Festival da Canção em 1966 com a música “Ele e Ela”.

2019 – O ex-ministro Armando Vara apresenta-se na cadeia de Évora para cumprir cinco anos de pena de prisão a que foi condenado no âmbito do processo Face Oculta.

– O português Rui Pinto, o ‘hacker’ que terá acedido ilegalmente aos e-mails do Benfica, é detido na Hungria.

– O Parlamento Europeu, reunido em Estrasburgo, em França, aprova um programa de cerca de 700 mil milhões de euros para investimentos públicos e privados entre 2021 e 2027, incentivando o emprego, o crescimento e a inovação.



Mais notícias em OPÇÃO TURISMO Siga-nos no FaceBook , Instabram ou no Twitter