Início Breves Efemérides do dia – 13 fevereiro

Efemérides do dia – 13 fevereiro

COMPARTILHE

Principais acontecimentos registados no dia 13 fevereiro
Hoje é quinta-feira, dia 13 fevereiro de 2020.
Este é quadragésimo quarto dia do ano.
Faltam 322 dias para o final do ano.
Os nascidos nesta data pertencem ao signo Aquário.
Dia Internacional do Preservativo e Dia Mundial da Rádio.

1668 – Assinatura do tratado luso-espanhol que põe fim à guerra pela Restauração da Independência portuguesa.

1692 – Massacre dos Scottish Highlanders, em Glencoe, após a recusa do juramento de fidelidade a Guilherme III de Inglaterra.

1804 – Morre Tomás de Aquino, bibliógrafo, que coligiu a primeira edição completa das obras de Luís de Camões, sob o nome Luís Francisco Xavier Coelho.

1883 – É fundada a Sociedade Voz do Operário.

1888 – Sai a primeira edição do Financial Times.

1906 – Nasce Agostinho da Silva, pedagogo, filósofo, ensaísta.

– São apreendidas as edições dos jornais O Mundo, de França Borges, e de O Primeiro de Janeiro.

1919 – É derrotada a chamada “Monarquia do Norte,” proclamada no Porto, a 19 de janeiro, pela Junta de Paiva Couceiro.

1920 – A Suíça é admitida na Liga das Nações, que reconhece a “eterna neutralidade” da confederação.

1928 – Nasce Catarina Eufémia, filha de camponeses de Baleizão, protagonista de uma das mais simbólicas lutas da região alentejana contra o Estado Novo.

1942 – Salazar encontra-se com o ditador espanhol general Fraco, no Alcazar de Sevilha, para debaterem a neutralidade na II Guerra Mundial.

1945 – II Guerra Mundial. O Exército Vermelho entra em Budapeste, Hungria.

1949 – As eleições presidenciais são ganhas, como se previa, pelo candidato do regime Óscar Carmona. O candidato da oposição é Norton de Matos, que desiste na véspera por não estarem reunidas as condições de liberdade exigidas a Salazar.

1963 – Entra em funcionamento o Estádio Universitário de Coimbra.

1965 – Uma brigada da PIDE assassina Humberto Delgado, na localidade espanhola de Villanueva del Fresno, perto de Badajoz. O tiro fatal é disparado por Casimiro Monteiro, a operação, chefiada por Rosa Casaco.

1974 – O escritor e dissidente Alexander Soljenitsine, Nobel da Literatura, é privado da cidadania soviética e enviado para o exílio.

1975 – É assinado, no Vaticano, o protocolo adicional à Concordata, entre Portugal e a Santa Sé, que permite o divórcio aos católicos.

1977 – Toma posse a Comissão Instaladora da Condição Feminina.

1980 – Os EUA regressam à Organização Internacional do Trabalho, que abandonaram em novembro de 1970.

1981 – O australiano Rupert Murdoch compra o jornal britânico The Times por 12 milhões de libras esterlinas.

1983 – Vaga de frio na Europa. Lisboa, com dois graus negativos, apresenta a temperatura mais baixa registada desde 1860.

1986 – A televisão britânica exibe as primeiras imagens, em 24 anos, do nacionalista negro sul-africano Nelson Mandela, detido pelas autoridades do apartheid desde 1962.

1991 – Guerra do Golfo. A aviação norte-americana bombardeia um abrigo antiaéreo em Bagdad.

1995 – O presidente da República, Mário Soares, inaugura em Vilanueva del Fresno, Espanha, o monumento de homenagem a Humberto Delgado.

2000 – É publicada a última “tira” dos Peanuts, um dia depois da morte do seu criador, o “cartoonista” norte-americano Charles Schulz.

2003 – Ignacio Gracia Arregui, ou Iñaki de Renteria, 47 anos, dirigente da ETA entre 1992 e 2000, é condenado a 10 anos de prisão pelo Tribunal de Paris.

2004 – O diário norte-americano USA Today revela que os serviços secretos norte-americanos admitiam a possibilidade de não se encontrarem armas de destruição maciça no Iraque, três meses antes do início da guerra.

– Início da comercialização do concurso Euromilhões, em França, Espanha e no Reino Unido.

2005 – Morre, com 97 anos, Lúcia de Jesus dos Santos, irmã Lúcia.

– Os resultados oficiais das eleições de 30 de janeiro no Iraque dão a vitória ao líder xiita ayatollah Sistani com perto de 48 por cento dos votos.

2006 – O Presidente da República, Jorge Sampaio, promulga a nova Lei do Arrendamento Urbano.

– O Irão retoma o processo de enriquecimento de urânio no complexo de Natanz, centro do país.

2007 – É concluído um acordo de princípio nas negociações a seis – duas Coreias, China, Estados Unidos, Japão, e Rússia -, sobre o programa nuclear da Coreia do Norte. Pyongyang compromete-se a iniciar, num prazo de dois meses, o desmantelamento das instalações nucleares, em troca de ajuda económica e energética. Washington promete retirar a Coreia do Norte da lista de países apoiantes do terrorismo e levantar as sanções comerciais, se Pyongyang respeitar o acordo.

– A justiça espanhola condena a 467 anos de prisão Belén González Peñalva, membro da organização separatista basca ETA, pelo atentado de 1985 em Madrid em que morreu um cidadão norte-americano e ficaram feridas 17 pessoas.

2008 – O primeiro transplante de rim de dador vivo, entre cônjuges, realiza-se no Hospital de Santa Cruz, em Carnaxide (Oeiras).

– Morre o realizador Kon Ichikawa, um dos mais antigos cineastas em atividade no Japão. Tinha 92 anos.

– Morre, com 90 anos, o cantor francês Henri Salvador, considerado uma das lendas vivas da “chanson française” e foi um reconhecido guitarrista de jazz.

2009 – Morre Edward Falaise Upward, escritor britânico. Tinha 85 anos.

2010 – A Assembleia da República aprova na generalidade a lei dos casamentos entre pessoas do mesmo sexo.

2014 – Os deputados belgas aprovam em definitivo uma lei que alarga o campo legal da eutanásia a menores atingidos por uma doença incurável, sem fixar uma idade mínima.

– O Governo aprova uma proposta de lei que procede a alterações ao Código do Trabalho, no que diz respeito à cessação do contrato por extinção do posto de trabalho ou por inadaptação, mas sem acordo entre os parceiros sociais.

– Morre José Meneres Pimentel, antigo presidente do PSD, que foi ministro da Justiça nos governos liderados por Francisco Pinto Balsemão. Tinha 85 anos.

– Morre, aos 89 anos, Agostinho André Mendes de Carvalho, dirigente nacionalista histórico angolano que deixou vasta obra literária sob o pseudónimo Uanhenga Xitu.

2015 – A Comissão Europeia aprova, em Bruxelas, os programas de desenvolvimento rural (PDR) das regiões autónomas dos Açores e da Madeira até 2020, que preveem financiamentos da UE de 295,3 e 179,4 milhões de euros, respetivamente.

– Morre, aos 73 anos, Daniel Ricardo, jornalista fundador da revista Visão.

2016 – Morre, aos 66 anos, Borek Sipek, designer checo e arquiteto oficial do Castelo de Praga.

2017 – Os EUA impõem sanções financeiras contra Tarek El Aissami, vice-Presidente da Venezuela, que acusam de tráfico de droga, medidas que congelam os potenciais ativos venezuelanos nos EUA e proíbem todo o comércio através do sistema financeiro do país.

– A imagem do assassinato do embaixador russo na Turquia, por um polícia, captada pelo fotógrafo turco Burhan Ozbilici, vence o World Press Photo 2017.

– A cantora britânica Adele vence cinco prémios da 59.ª edição dos Grammy, incluindo os três principais: álbum do ano, com “25”, melhor gravação e melhor canção do ano, com “Hello”, entregues no Teatro Microsoft de Los Angeles, EUA.

2017 – Morre, aos 93 anos, em Tóquio, no Japão, Seijun Suzuki, realizador japonês que trabalhou com cineastas como Quentin Tarantino e Jim Jarmusch.

2018 – As autoridades sul-africanas proclamam o estado de catástrofe natural em todo o país devido à seca histórica que assola a África do Sul.

– Morre, aos 83 anos, Henrique da Dinamarca, marido da rainha Margarida.

2019 – O parlamento espanhol vota contra o projeto de Orçamento para 2019 do Governo minoritário socialista.

– Morre, aos 96 anos, Bibi Ferreira, atriz brasileira.

– Morre, aos 75 anos, José Manuel Barreto, fadista.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here