COMPARTILHE

Principais acontecimentos registados no dia 21 agosto de 2019
Hoje é terça-feira, dia 21 de agosto de 2019, ducentésimo trigésimo terceiro dia do ano.
Faltam 132 dias para o termo de 2019.
Leão é o signo dos nascidos nesta data.

1534 – Angra do Heroísmo, nos Açores, passa a cidade.

1643 – Nasce, em Lisboa, o futuro rei D. Afonso VI.

1808 – Invasões francesas. Termina a Batalha do Vimeiro. As forças luso-britânicas derrotam as tropas francesas de Junot.

1822 – O Banco de Lisboa, instituição na base do Banco de Portugal, abre as portas ao público.

1826 – Guerras Liberais. Tentativa de pronunciamento absolutista por parte da Guarda Real de Polícia, em Lisboa.

1888 – William Burroughs regista a patente da primeira calculadora mecânica.

1893 – Nasce a compositora francesa Lili Boulanger.

1894 – Morre o escritor, político e historiador português Oliveira Martins, 49 anos, autor de “História de Portugal” e “História da Civilização Ibérica”.

1904 – Nasce o compositor e pianista de jazz norte-americano Count Basie.

1911 – É aprovada a primeira Constituição da República portuguesa.

– O quadro “Mona Lisa”, de Leonardo Da Vinci, é roubado do Museu do Louvre, em Paris. Permanecerá em paradeiro desconhecido durante dois anos.

1915 – Grande Guerra 1914-18. A Itália declara guerra ao Império Otomano.

1925 – Morre Irineu Marinho, fundador do jornal brasileiro O Globo.

1940 – Morre o pintor português Carlos Reis.

1962 – São criados os Estudos Gerais de Angola e Moçambique.

1968 – As forças da URSS na Checoslováquia destituem Alexandre Dubcek.

1975 – Os EUA levantam o embargo indireto das exportações para Cuba, mantendo, no entanto, o embargo direto.

1983 – O líder oposicionista filipino Benigno Aquino é assassinado a tiro em Manila. A revolta popular levará à queda da ditadura de Ferdinando Marcos.

1985 – O Conselho de Segurança da ONU condena o Governo da África do Sul pela política de apartheid e reclama a libertação de Nelson Mandela e de todos os presos políticos.

1991 – Tentativa de golpe de estado na URSS. A junta comunista ensaia o assalto ao Parlamento, onde se encontra Boris Ieltsin. A população de Moscovo enfrenta os tanques.

– É fundado o Clube Náutico de Ponte de Lima.

1992 – Morre, aos 86 anos, o compositor alemão Will Eisenmann, autor de “Sete Quadros para Vincent van Gogh”.

1994 – O cessar-fogo em Moçambique, entre a Frelimo e a Renamo, é marcado para 01 de setembro.

– As autoridades marroquinas concluem que Younes Khayati, piloto da Air Marrocos, despenhou o seu avião, com 43 pessoas, por causa de uma depressão amorosa.

1995 – A Assembleia Nacional de S. Tomé e Príncipe aprova a amnistia dos militares implicados no golpe de 15 de agosto.

1998 – Os EUA atacam uma fábrica da indústria farmacêutica, no Sudão, por suspeita de produção de agentes bacteriológicos para armamento.

2001 – A Cruz Vermelha Internacional alerta para a fome no Cazaquistão.

2002 – A Inspecção-Geral das Actividades Culturais concede “autorização excecional” a Barrancos para espetáculos com touros de morte.

2003 – A SIC e a TVI assinam o protocolo com o Estado que estabelece regras para a prestação de serviço público por operadores privados de televisão.

– Morre a atriz portuguesa Luísa Barbosa. Tinha 80 anos.

– O exército de Israel mata o líder do Hamas Abu Shanab, em Gaza.

2004 – O ginasta português Nuno Merino conquista o sexto lugar na prova de trampolim, a melhor de sempre de um português, nos Jogos Olímpicos de Atenas.

2005 – Incêndios florestais. Várias frentes de fogo aproximam-se de Coimbra e atingem os subúrbios da cidade.

– Morre, aos 71 anos, Robert Moog, engenheiro e investigador norte-americano, criador do sintetizador Moog.

2006 – A Lei da Paridade sai em Diário da República.

– Começa o julgamento do ex-presidente iraquiano Saddam Hussein, no processo relativo à morte a 100.000 curdos, entre 1987 e 1988.

2007 – Começa em Bagdad o julgamento de 15 responsáveis do regime de Saddam Hussein, acusados de crimes contra a humanidade pelo massacre de dezenas de milhar de xiitas no Sul do Iraque, durante a revolta de 1991.

– Morre, aos 99 anos, Rose Bampton, soprano norte-americana.

– Morre, aos 68 anos, Franco Rodino, jornalista e repórter fotográfico italiano, vítima de ataque cardíaco durante o Troféu de Portugal em vela.

2008 – Nelson Évora vence o triplo salto com a marca de 17,67 metros e torna Pequim2008 a melhor edição de sempre dos Jogos Olímpicos para Portugal, ao somar a sua medalha de ouro à de prata conquistada por Vanessa Fernandes no triatlo

2009 – Derrocada na praia de Maria Luísa em Albufeira. Cinco vítimas mortais, quatro da mesma família.

– A Amazon, a Microsoft e a Yahoo decidem unir-se na luta contra a tentativa da Google para criar a maior biblioteca virtual do mundo.

2010 – Morre, aos 83 anos, António Telmo, filósofo, escritor, autor de obras como Filosofia e Kaballah, História Secreta de Portugal ou Luís de Camões.

2011 – Jorge Carlos Fonseca é eleito presidente de Cabo Verde, na segunda volta das eleições presidenciais.

2012 – Morre Meles Zenawi, primeiro-ministro da Etiópia. Tinha 57 anos.

2014 – Morre Albert Reynolds, antigo primeiro-ministro irlandês que em 1994 assinou um cessar-fogo histórico com o Exército Republicano Irlandês (IRA). Tinha 81 anos.

2017 – O alegado autor do atentado terrorista em Barcelona de 17 de agosto é abatido pela polícia em Altos del Subirat, arredores da cidade catalã.

– Uma pessoa morre e outra fica ferida em Marselha, no sul da França, depois de terem sido atingidas duas vezes por um veículo numa paragem autocarros.

2018 – O ex-diretor de campanha de Donald Trump, Paul Manafort, é condenado por fraude bancária e fiscal.