Início B3 Corredor aéreo entre Portugal e Reino Unido trouxe alento aos aeroportos

Corredor aéreo entre Portugal e Reino Unido trouxe alento aos aeroportos

Entre 21 de Agosto e 10 de Setembro, datas de anúncio de abertura e de fecho do corredor aéreo entre Portugal e o Reino Unido, o decréscimo do número de passageiros desembarcados nos aeroportos nacionais em voos provenientes daquele país foi 53,5%, evolução que contrasta com a diminuição registada no acumulado dos restantes dias dos mesmos meses (-80,2%).

No período compreendido entre os dois anúncios, desembarcaram 53,8% do total de passageiros movimentados nos aeroportos nacionais em voos provenientes do Reino Unido, em Agosto e Setembro de 2020 (33,1% em igual período de 2019).

O aeroporto de Faro concentrou 63,4% (58,8% em 2019) dos passageiros provenientes de voos do Reino Unido entre 21 de Agosto e 10 de Setembro.

Estes dados constam em destaque nas estatísticas rápidas sobre a actividade do transporte aéreo em Portugal durante o mês de Setembro publicadas esta terça-feira pelo Instituto Nacional de Estatísticas (INE).

Revela ainda o INE que, entre Abril e Junho registaram-se quebras no número de passageiros desembarcados nos aeroportos nacionais em voos provenientes do Reino Unido superiores a 90%.

Já no mês de Julho, e ainda sem a existência de um corredor aéreo entre os dois países, a diminuição do número de passageiros foi de 85,5%, enquanto a queda no total do mês de Agosto foi de 69% e, em Setembro, de 74%.



Mais notícias em OPÇÃO TURISMO Siga-nos no FaceBook , Instabram ou no Twitter

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here