Início Opinião/Crónica Companhias aéreas reduzem ou suspendem voos para Portugal

Companhias aéreas reduzem ou suspendem voos para Portugal

COMPARTILHE

Até domingo (15) algumas companhias aéreas anunciaram a redução ou suspensão de voos de e para Portugal.

Neste caso constam a Royal Air Maroc (RAM) que decidiu suspender todos os voos para Portugal a partir deste domingo, dia 15 de Março, pelo menos até ao dia 31, conforme se pode ler na página da Embaixada de Portugal em Marrocos.

O Turismo de Marrocos está a pedir às agências de viagens portuguesas para que alertem os seus clientes desta situação e forneçam a esta autoridade turística a lista de turistas que se encontram no país de forma a reprogramar as suas viagens aéreas.

A companhia diz que os passageiros afectados pela suspensão de voos podem alterar a reserva sem penalização ou alterar para outro destino na Europa segundo a disponibilidade dos seus voos.

A companhia divulgou o endereço de email ram.pt@royalairmaroc.com para mais informações.

Por outro lado a United Airlines reduz este mês a frequência de voos entre o seu hub em Newark, Nova Iorque, e Lisboa bem como cancela a rota Newark-Porto e Washington-Lisboa.

Para a rota Newark – Lisboa, a redução é de 7 para 4 voos por semana, entre 20 de Março e 29 de Abril, enquanto o voo diário entre Newark e o Porto, será canelado de 28 de Março a 30 de Abril. Também cancelado por aproximadamente um mês estão os voos entre Washington Dulles e Lisboa, nas mesmas datas.

Também a companhia de aviação brasileira Azul, vai reduzir a frequência de voos da sua rota Campinas – Porto, de acordo com a imprensa brasileira, que não especifica nem a dimensão nem período da suspensão, indicando apenas que a empresa, que tem voos internacionais para os Estados Unidos, Portugal e Argentina, indicou que fará uma redução da capacidade internacional entre 20% e 30%.

Igualmente, a companhia aérea angolana TAAG vai suspender a partir desta segunda-feira (16) os voos com destino à cidade do Porto, devido ao aumento de contágio do novo coronavírus na região Norte de Portugal, anunciou hoje a empresa.

A TAAG adianta que os passageiros com bilhetes adquiridos de e para o Porto deverão contactar as lojas, o call-center e agentes de viagens.