A Associação Internacional de Linhas de Cruzeiros, CLIA e a cidade croata de Dubrovnik assinaram um Memorando de Entendimento com vista à conservação e proteção da herança cultural de Dubrovnik através da gestão responsável do turismo e colaborar na construção de Dubrovnik como um modelo turístico sustentável na região do Adriático.

O acordo assinado pela CLIA, representado por Kelly Craighead, presidente e CEO, e pela cidade de Dubrovnik, representada pelo seu prefeito Mato Franković, concentra-se em investimentos, colaboração e boas práticas para a gestão de longo prazo do destino para o benefício residentes e visitantes.

Entre as primeiras acções contempladas neste Acordo ressalva-se o juntar os principais agentes envolvidos, incluindo a comunidade local e organizações internacionais, através da criação de um grupo de trabalho; colaborar na elaboração de um roteiro para a proteção da cidade baseado nos critérios de turismo sustentável da ONU; implementar a política de atracação de navios de cruzeiro desenvolvida antes de 2020; e desenvolver uma campanha de educação para os visitantes “Respeita a Cidade”.

Além disso, Dubrovnik e CLIA estudam a possibilidade de lançar um Centro de Visitantes para o Património Universal de Dubrovnik e um Centro de Transporte Intermodal no Porto de Gruz.



Mais notícias em OPÇÃO TURISMO Siga-nos no FaceBook , Instabram ou no Twitter