COMPARTILHE

As chegadas de turistas internacionais cresceram 5% em 2018, atingindo os 1,4 biliões, dois anos antes do previsto pelas previsões de longo prazo da Organização Mundial de Turismo (OMT), de acordo com a edição de 2019 de International Tourism Highlights, documento, publicado em vésperas da realização da 23ª Assembleia Geral da OMT, em São Petersburgo, e que fornece uma análise consolidada do turismo internacional.

Ao mesmo tempo, as receitas de exportação geradas pelo turismo aumentaram para 1,7 triliões de dólares americanos, representando um aumento de 4%, superior ao da economia mundial em 2018.

O relatório da OMT 2019 sobre turismo internacional destaca ainda que a Ásia e Pacífico e África lideram o crescimento das chegadas, com um aumento de 7% em 2018, enquanto que a Ásia e Pacífico e Europa desfrutem de um crescimento acima da média das receitas no turismo.

Entre os 10 principais destinos do mundo nas chegadas e receitas, a França continua a liderar as chegadas de turistas internacionais, apesar de os EUA continuarem a ser o país com a maior receita do turismo em 2018.

A China, por sua vez, continuou a ser o país com maior investimento em turismo internacional em 2018, 277.000 milhões de dólares gastos, equivalentes a uma quinta parte do gasto turístico internacional, seguida pelos EUA.