Início B5 BdP: receitas turísticas em Portugal estão a subir

BdP: receitas turísticas em Portugal estão a subir

As receitas turísticas em Portugal subiram em Julho quase 46% face ao mês homólogo do ano anterior, totalizando 1.152,38 milhões de euros, mas mesmo assim aproximadamente 50% abaixo dos valores verificados em Julho de 2019, antes da pandemia da Covid-19, revelou esta segunda o Banco de Portugal (BdP).

Este indicador referente a Julho estará em linha com as previsões do Governo para o total do ano. Refira-se que a secretária de Estado do Turismo, Rita Marques, disse a semana passada aos jornalistas que, em 2021 o país deve ficar a 50% das receitas de 2019, mantendo a ambição de, em 2027, poder atingir um valor bem superior, portanto, os 28 mil milhões de euros de receitas. Temos ainda incerteza pela frente, mas, tendo em conta que o Verão foi um pouco melhor do que aquilo que pensámos, estamos certos de que, provavelmente, vai ser esse número, muito em linha, aliás, com os outros países europeus que também trabalham no turismo como Portugal, frisou na ocasião.

No acumulado de Janeiro a Julho, os números mostram que a actividade turística está a recuperar, mas ainda não ultrapassa os níveis do ano passado, até porque os três primeiros meses de 2020 ainda não reflectiam a crise provocada pela pandemia. No período em análise, as receitas turísticas atingiram os 4.070 milhões de euros contra os 3.540 milhões de euros verificados nos primeiros sete meses de 2020. Face ao acumulado de 2019 até Julho, a descida é ainda mais acentuada e aos 63,4%, quando as receitas turísticas estavam já para lá dos quase 9.680 79 milhões de euros.

Os dados do BdP destacam o crescimento das exportações de viagens e turismo (45,6%), que contribuíram para o aumento das exportações de serviços, ainda que os resultados permaneçam abaixo dos níveis pré-pandemia.

A crescer estão igualmente as importações turísticas, ou seja, os gastos dos turistas portugueses no estrangeiro, que em Julho último somaram mais de 446 milhões de euros, correspondendo a um aumento de 33% face aos 335,48 milhões de euros verificados no mesmo mês de 2020, mas uma quebra de 26% face a 2019.

O BdP destaca que as receitas de turistas provenientes de França, Reino Unido, Espanha e Estados Unidos da América aumentaram, o que contribuiu para um crescimento do excedente da balança de serviços. Ainda assim, face a Julho de 2019, o saldo é negativo em 58%.



Mais notícias em OPÇÃO TURISMOSiga-nos no FaceBook , Instabram ou no Twitter