Início Opinião/Crónica Bagagem de mão… eis a questão!

Bagagem de mão… eis a questão!

Luggage overhead compartment with hand-luggage in airplane or aircraft cabin interior

A bagagem de mão colocada na bagageira (overhead compartment) por cima do assento, na cabine, começará a ser proibida, de acordo com as instruções que acabam de ser emitidas pela Organização de Aviação Civil Internacional (OACI), que publicou as regras para voar em tempos de coronavírus e que os países/companhias aéreas devem aplicar imediatamente.

O objectivo é que os passageiros não tenham a oportunidade de ter contacto físico. Assim, só se poderá viajar com uma mochila ou bolsa que caiba por baixo do banco da frente.

Segundo a OACI, a justificação para esta medida é que, ao entrar e sair do avião, a colocação e a remoção de malas de mão causam inúmeras razões para o contacto entre os passageiros, independentemente da necessidade frequente de pedir ajuda ou, também, para empurrar a mala para melhor entrar na bagageira.

Todavia, esta decisão terá um efeito económico significativo nas companhias de baixo custo que cobram pelo transporte da bagagem de mão no porão e, naturalmente, custos acrescidos para o passageiro.

Existem outras instruções da ICAO mas mais previsíveis: necessidade de usar máscaras em todos os voos, aeroportos e aeronaves; verificações online, comuns na maioria dos voos de curto e médio curso, e trabalhar sem contacto em lojas.

Também foram apresentadas instruções para o uso das casas de banho a bordo, com uma reservada exclusivamente para a tripulação do avião, que são aqueles que estão mais em risco.

Estas instruções internacionais da ICAO estão a ser enviadas aos países associados, todos elas, em regras específicas de requisitos legais nas companhias aéreas de cada país.



Mais notícias em OPÇÃO TURISMO Siga-nos no FaceBook , Instabram ou no Twitter