Início B3 Axel Hotels não desiste de abrir na Madeira o seu 1º hotel...

Axel Hotels não desiste de abrir na Madeira o seu 1º hotel LGBTI em Portugal

COMPARTILHE

A cadeia internacional Axel Hotels escolheu a Madeira para abrir o seu primeiro hotel LGBTI em Portugal, mas lamenta o impasse da Câmara Municipal do Funchal para avançar com o projecto, que continua parado há 1 ano.

Instado a pronunciar-se sobre o assunto, o presidente da Câmara do Funchal, Miguel Silva Gouveia afirmou à imprensa local que nesse projecto em particular, o que está em causa é um pedido de informação prévia sobre a possibilidade de implantar um hotel, esse pedido de informação tinha um determinado conjunto de prerrogativas que não foram possíveis ser enquadradas, nomeadamente a utilização de espaço público.

– Como tal, o hotel foi notificado acerca dessa situação. O projecto e o estudo que foi apresentado deve ser revisto em concordância com essa necessidade de não afectar aquele que é o domínio público municipal e é isso que está neste momento a ser trabalhado pelos promotores, acrescenta o autarca.

O edil sublinha que a CMF vai continuar a acreditar neste e em outros projectos que venham beneficiar o município. Nós tínhamos cerca de 6 a 7 empreendimentos hoteleiros em carteira, todos esses empreendimentos são bem-vindos. O investimento é bem-vindo, dinamiza a economia, cria postos de trabalho, numa altura em que vamos necessitar de todos os contributos de todas as entidades, nomeadamente os investidores para puder fazer essa retoma da actividade económica, mas sublinha que qualquer projecto aprovado tem que cumprir escrupulosamente aquilo que é a legalidade.

Refira-se que a unidade hoteleira, a construir de raiz na Rua Bela de São Tiago, tem um investimento inicial de 8 milhões de euros e prevê a criação de entre 35 a 40 novos postos de trabalho.

Mais notícias em OPÇÃO TURISMO Siga-nos no FaceBook