AL perde 50 mil reservas só este mês

Cerca de 50 mil reservas feitas em Alojamento Local (AL) foram canceladas nas últimas semanas, diz a (ALEP), que culpa as restrições colocadas a Portugal pelo aumento de casos decorrente da nova variante Delta.

Esta situação e sobretudo depois de o Reino Unido e a Alemanha terem voltado a colocar restrições a quem quer visitar Portugal, gerou uma nova vaga de cancelamentos nunca antes vista, refere a Associação do Alojamento Local em Portugal (ALEP), destacando valores mais altos dos últimos 12 meses.

O dia 4 de Junho, quando Portugal saiu da lista verde do Reino Unido, e o dia 27 de Junho, quando entrou na lista vermelha da Alemanha, foram os dois piores dias de sempre em termos de cancelamento, sublinha a ALEP. Só no passado domingo foram canceladas três mil reservas.

– Tem sido uma montanha-russa de sobe e desce que se altera em poucas semanas, sublinha a associação, que avisa que com esta mudança de cenário, e se não houver um novo balão de oxigénio de imediato e com fundo perdido, o sector não vai resistir.

– É urgente reactivar, para estes grupos mais fragilizados, programas com fundo perdido do género do Apoiar ou algo similar para ajudar a suportar esta nova quebra. Mesmo o apoio a Tesouraria das Micro e Pequenas do Turismo de Portugal, que teve o fundo perdido cortado em Maio, precisa ser retomado com efeitos retroactivos, defende.