Início B2 Airbus anula dividendos e objectivos

Airbus anula dividendos e objectivos

COMPARTILHE

A Airbus anulou o pagamento aos accionistas de dividendos de 2019 e as previsões de resultados para este ano, numa tentativa de atenuar o efeito da pandemia da covid-19.

Em comunicado, a Airbus afirmou ter recebido o aval do conselho de administração para retirar a proposta de dividendos de 2019, de 1,80 euros por acção, o que representa um valor total de cerca de 1,4 mil milhões de euros.

A empresa anunciou também ter obtido uma nova linha de crédito para elevar a liquidez disponível a 30 mil milhões de euros contra 20 anteriormente.

Guillaume Faury, presidente-executivo Airbus, salientou em comunicado que a nossa prioridade é proteger as pessoas, e ao mesmo tempo, apoiar os esforços mundiais para travar a propagação do coronavírus. Queremos também garantir a segurança das nossas actividades para preservar o futuro da Airbus e retomar eficazmente as nossas operações depois da crise.

Com estas decisões, a empresa dispõe de liquidez suficiente para responder às necessidades de tesouraria suplementares relacionadas com a covid-19, disse o fabricante europeu, anunciando também a suspensão do financiamento voluntários das reformas complementares e o anulamento das previsões para 2020.

A assembleia geral da empresa vai decorrer em 16 de maio, em Amesterdão e a Airbus pediu aos accionistas para não estarem fisicamente presentes.

Em 2019, o grupo, que emprega cerca de 135 mil pessoas em todo o mundo, divulgou um volume de negócios de 70 mil milhões de euros.

Mais notícias em www.opcaoturismo.pt

 

Mais notícias em OPÇÃO TURISMO Siga-nos no FaceBook