AHRESP promove inquérito sobre a realidade do sector

A Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP), em parceria com o ISCTE, a Sítios e com o apoio do Turismo de Portugal, vai realizar um inquérito junto dos empresários de Alojamento Local, inicialmente na região de Lisboa, visando o levantamento exaustivo de informação sobre estes estabelecimentos, incluindo sobre o perfil dos respetivos empresários e hóspedes, e analisando componentes da procura e da oferta.

AHRESPO inquérito será dirigido a mais de cinco mil unidades de Alojamento Local e enquadra-se no âmbito do Programa QUALITY – projeto desenvolvido pela AHRESP, que visa a valorização e qualificação do Alojamento Local. A informação será recolhida através do preenchimento de um questionário, enviado aos empresários inscritos no Registo Nacional de Estabelecimentos de Alojamento Local (RNAL) e nas Câmaras Municipais da região.

Segundo dados do RNAL, atualmente, existem cerca de 30 mil estabelecimentos de Alojamento Local registados em todo o país. São considerados estabelecimentos de AL aqueles que prestam serviços de alojamento temporário a turistas, mediante remuneração, e que reúnam os requisitos do respetivo regime jurídico (Decreto-Lei nº 128/2014, de 29 de agosto alterado pelo Decreto-Lei 63/2015 de 23 de abril).

Estão abrangidos pela classificação de Alojamento Local vários tipos de estabelecimentos como os hostels, as antigas pensões e residenciais que não se reconverteram em empreendimentos turísticos, os apartamentos e moradias para acolhimento de turistas e o alojamento em quartos ou partes de casa.

A AHRESP lançou o Programa QUALITY como forma de responder em tempo útil à dinâmica de crescimento do AL, garantir os padrões de qualidade exigidos a estas novas realidades de alojamento e contribuir para o esforço nacional de promoção e projeção internacional do destino Portugal.