Aeroportos nacionais: França foi o principal país de origem e destino


O Instituto Nacional de Estatística (INE), na apresentação das estatísticas rápidas do transporte aéreo, revela que os aeroportos nacionais movimentaram cerca de três milhões de passageiros em Novembro de 2021, mais do que quadruplicando (339%) o registado no mesmo mês de 2020 e reduzindo a distância para os valores pré-pandemia, segundo.

A entidade salienta ainda que os valores registados no mês em análise, demonstram uma redução da distância relativamente aos valores observados antes da pandemia de covid-19, que teve um forte impacto na aviação.

Ainda assim, o INE ressalvou que comparando com Novembro de 2019, o movimento de passageiros diminuiu 21,5%.

Já numa análise ao período de Janeiro a Novembro de 2021, verificou-se um aumento de 31,8% no número de passageiros movimentados nos aeroportos nacionais em relação ao mesmo período do ano anterior.

Quando comparado com o mesmo período de 2019, a redução foi 59,2%.

Nos primeiros 11 meses de 2021, França foi o principal país de origem e de destino dos voos, com crescimentos de 25% no número de passageiros desembarcados e 24,1% no número de passageiros embarcados.

Já a Suíça voltou a destacar-se com o maior crescimento no número de passageiros embarcados e desembarcados (+34,7% e +31,6%, respetivamente), ocupando a quinta posição.

,

error: Content is protected !!