Início B3 Açores: situação de calamidade pública em cinco ilhas

Açores: situação de calamidade pública em cinco ilhas

COMPARTILHE

A situação de calamidade pública nas ilhas de Santa Maria, São Miguel, Terceira, Pico e Faial foi prorrogada até 15 de Julho, segundo uma resolução aprovada pelo Conselho do Governo dos Açores e já publicada em Jornal Oficial da Região Autónoma dos Açores.

Refira-se ainda que a mesma resolução também prorroga a declaração da situação de alerta nas ilhas Graciosa, São Jorge, Flores e Corvo, até à mesma data.

Segundo o Governo dos Açores esta decisão foi tomada perante a evolução da situação da pandemia a nível global, e tendo em conta a abertura das ligações aéreas do exterior às ilhas de Santa Maria, São Miguel, Terceira, Pico e Faial, justifica-se a manutenção da declaração da situação de calamidade pública nessas ilhas, bem como a prorrogação da situação de alerta nas ilhas Graciosa, São Jorge, Flores e Corvo.

Acrescente-se ainda que o Conselho do Governo decidiu também determinar que, após a reabertura do espaço marítimo nacional a navios de cruzeiros e iates, provenientes de portos internacionais, deve ser promovida a normalização da atracagem desses navios, nos portos e marinas, desde que os passageiros façam teste à chegada, salvo se a autoridade de saúde regional assim o dispensar atendendo ao tempo de viagem sem escalas e à ausência de sintomatologia.

O Governo Regional diz que as medidas previstas na resolução podem ser revertidas ou anuladas, a qualquer momento, tendo em conta a evolução da situação da pandemia da covid-19 na região.



Mais notícias em OPÇÃO TURISMO Siga-nos no FaceBook , Instabram ou no Twitter