COMPARTILHE

O novo navio da Atlânticoline, o “Mestre Jaime Feijó” já integra a operação de transporte marítimo de passageiros e viaturas no grupo central do arquipélago dos Açores.

O novo navio da Atlântocoline vem substituir o “Mestre Simão”, que encalhou na Madalena do Pico em janeiro de 2018, e representa um investimento de cerca de dez milhões de euros para a Atlânticoline.

Com a entrada em funcionamento do “Mestre Jaime Feijó”, será retomada a operação da Linha Lilás, que liga a Linha Verde aos portos da Calheta de São Jorge e de Angra do Heroísmo, na ilha Terceira, duas vezes por semana.

Com 41,20 metros, o “Mestre Jaime Feijó” tem capacidade para 333 passageiros e 15 viaturas, duas das quais com 5,5 toneladas e está, ainda, dotado de uma enfermaria capaz de transportar em simultâneo três doentes em maca.

A cerimónia de baptismo do novo ‘ferry’ vai decorrer na próxima sexta-feira, no Terminal Marítimo da Horta.



Mais notícias em OPÇÃO TURISMO Siga-nos no FaceBook , Instabram ou no Twitter