Início noticias Crescimento de 13,8% de turistas portugueses no Brasil

Crescimento de 13,8% de turistas portugueses no Brasil

17MAI24 – O Brasil registou um aumento no número de turistas portugueses nos primeiros quatro meses de 2024, com um crescimento de 13,8% em comparação ao mesmo período do ano passado. De janeiro a abril, 82.164 portugueses visitaram o país, destacando-se como o segundo maior grupo de turistas da União Europeia, atrás apenas dos franceses.

Os dados, divulgados pela Embratur, refletem um impulso positivo para o turismo brasileiro. Globalmente, o Brasil recebeu 2,92 milhões de turistas internacionais no primeiro quadrimestre de 2024, um aumento de 7,4% em relação aos 2,71 milhões de 2023. Este foi o terceiro melhor quadrimestre da história, atrás apenas de 2018 (3,10 milhões) e 2017 (2,99 milhões).

“Tivemos um 2023 de recuperação a níveis de pré-pandemia de chegada de turistas e já batemos recorde de receita com o turismo. Em 2024, os números mostram uma curva de crescimento consolidada, devemos fechar esse ano com resultados muito positivos. E essa entrada crescente de turistas significa mais investimento no Brasil, mais dinheiro girando na nossa economia. É o dinheiro pago na ponta, gerando emprego e renda em todo o país”, comentou o presidente da Embratur, Marcelo Freixo, citado em comunicado.

O ministro do Turismo, Celso Sabino, também demonstrou entusiasmo com o resultado do quadrimestre. “O Brasil está sendo visto lá fora e tem atraído a atenção dos estrangeiros. Esses números refletem o trabalho desenvolvido pelo Ministério do Turismo e pela Embratur em mostrar ao mundo o que o nosso país tem a oferecer, com sua rica gastronomia, belezas naturais incomparáveis e seu povo acolhedor. Estamos preparados para receber cada vez mais turistas internacionais em solo brasileiro”, afirmou.

Ranking de Emissores no Primeiro Quadrimestre de 2024

  1. Argentina: 1.070.545 (-11,1%)
  2. Chile: 258.523 (+32,2%)
  3. Estados Unidos: 251.419 (+9%)
  4. Paraguai: 217.392 (+9,8%)
  5. Uruguai: 199.316 (+13,8%)
  6. França: 84.468 (+25,5%)
  7. Portugal: 82.164 (+13,8%)
  8. Alemanha: 75.025 (+15,7%)
  9. Reino Unido: 65.994 (+15%)
  10. Itália: 55.165 (+18,5%)