Início principal Transporte de passageiros cresce mas com abrandamento no 2º trimestre

Transporte de passageiros cresce mas com abrandamento no 2º trimestre

O transporte de passageiros continuou a crescer no segundo trimestre, mas menos acentuadamente, aumentando 14,9% em termos homólogos por via aérea e 12,8% por comboio. Quem o anunciou foi o Instituto Nacional de Estatística (INE) com base nas suas estatísticas da “Atividade dos Transportes”.

Na mesma informação, o INE refere que de abril a junho os aeroportos nacionais movimentaram 18,4 milhões de passageiros, correspondendo a um crescimento de 14,9% face ao mesmo período de 2022.

No mesmo trimestre, viajaram por comboio 49,0 milhões de passageiros. Comparando com o segundo trimestre de 2019, registou-se uma variação de +13,9%.

No período em análise, o INE diz que aterraram nos aeroportos nacionais 64,9 mil aeronaves em voos comerciais (+9,2% face ao trimestre homólogo de 2022; +28,2% no primeiro trimestre de 2023) e registou-se o movimento de 18,4 milhões de passageiros (embarques, desembarques e trânsitos diretos), representando um crescimento de 14,9% (+54,3% no primeiro trimestre de 2023).

O aeroporto de Lisboa concentrou 47,6% do movimento total de passageiros (8,8 milhões), tendo o aeroporto do Porto registado o segundo maior volume de passageiros movimentados do país, atingindo 4,2 milhões e superando em 17,0% o valor atingido no segundo trimestre de 2019.

No aeroporto de Faro, registou-se o movimento de 3,1 milhões de passageiros, correspondendo a um acréscimo de 3,7% comparando com o período homólogo de 2019.