Início noticias Algarve é a única região onde as dormidas diminuíram em junho

Algarve é a única região onde as dormidas diminuíram em junho

0

Segundo uma análise tendo por base os dados estatísticos da atividade turística relativos a junho de 2023, o setor do alojamento turístico em Portugal registou 2,9 milhões de hóspedes e 7,4 milhões de dormidas, com aumentos de 7,1% e 3,7%, respetivamente.

Comparando com os dados do mesmo mês de 2019, verifica-se que o Algarve é a única região turística em Portugal onde as dormidas continuaram a diminuir.

O INE revela ainda que, em junho de 2023, as dormidas no mercado nacional diminuíram 6,7%, totalizando 2,2 milhões, enquanto os mercados externos aumentaram 8,7%, o que corresponde a 5,3 milhões milhões de dormidas. Face ao mesmo mês de 2019, registaram-se aumentos de 0,5% nas dormidas de residentes e de 5,2% nas de não residentes.

No total e face a junho de 2019, registaram-se aumentos nos estabelecimentos hoteleiros no país de 4,3% nos hóspedes e de 3,8% nas dormidas.

No que diz respeito aos mercados emissores, os norte-americanos e canadianos continuaram a distribuir cartões, tendo-se destacado com o maior crescimento face a junho de 2019 (+60,3% e +39,7%, respetivamente), e mesmo em relação ao mesmo mês de 2022, em que os norte-americanos aumentaram 22,2% e os canadianos 36,2%.

Face a junho de 2019, as dormidas no Algarve continuaram a diminuir, situando-se em -6,8%, enquanto nas restantes regiões continuaram a verificar-se aumentos, sendo os maiores no Norte (+17,1%), Açores (+16,7%) e Madeira (+14,3%).

No que diz respeito aos valores acumulados no primeiro semestre, mostram que as dormidas aumentaram 18,8%, +7,7% nos residentes e +24,2% nos não residentes. Quando o INE os compara com o período homólogo de 2019, verifica-se que as dormidas cresceram 10,7%, +13,2% nos residentes e +9,6% nos não residentes.

Artigo anteriorViajar Tours anuncia operação charter para Creta até 11 setembro
Próximo artigoFeiras de emprego já têm datas marcadas para 2024