Início destaque Portugal cresceu acima do previsto em 2022 e quer mais este ano

Portugal cresceu acima do previsto em 2022 e quer mais este ano

0

Portugal apresenta-se FITUR, em Madrid, com a expectativa de repetir este ano o crescimento do setor acima do que tinha sido previsto para 2022 e de captar mais turistas em Espanha.

Na abertura do evento, que vai durar até domingo, o presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo, salientou que o ano passado é já o melhor de sempre do ponto de vista de receitas do turismo português, com uma estimativa de mais de 22 mil milhões de euros, que comparam com os 18,4 mil milhões de 2019, o último sem qualquer impacto da pandemia de covid-19.

O presidente da entidade responsável pela promoção de Portugal como destino turístico afirmou que recuperámos antes do que prevíamos, acrescentando que aquilo que estamos a prever para 2023 é continuar o crescimento que tivemos em 2022, obviamente, com grandes incertezas, da guerra na Ucrânia até à inflação. Mas acreditamos que estamos muito bem posicionados. Um exemplo disto é esta feira, a FITUR.

Recorde-se que o mercado espanhol é atualmente o segundo maior para Portugal em número de hóspedes e o quarto em termos de receitas.

Luís Araújo explicou que, em relação a Espanha há um trabalho a fazer para aumentar as receitas, através de segmentos específicos do mercado.

Para este objetivo, uma das chaves de crescimento está nas ligações aéreas, de que o turismo português depende por causa da localização geográfica do país.

Temos conseguido retomar as rotas que tínhamos perdido em 2020 e 2021 e estamos já com os indicadores muito próximos aos dos anos anteriores. Este ano, 2023, vamos ultrapassar 2019. É uma das grandes âncoras para a retoma do setor, frisou o presidente do Turismo de Portugal, destacando que o crescimento faz-se em todos os aeroportos e deu como exemplo, precisamente, Espanha, país que teve ligações com os cinco aeroportos nacionais portugueses no ano passado, através da companhia aérea espanhola Iberia, que trouxe turistas de mercados a que no passado Portugal não chegava, como o mexicano ou outros da América do Sul.

Portugal está representado, como habitualmente, com as sete regiões turísticas do país (Porto e Norte, Centro, Alentejo, Algarve e 92 empresas num expositor de 900 metros quadrados do Turismo de Portugal. No entanto, diversos municípios e entidades intermunicipais estão também representados em ‘stands’ próprios na FITUR.

Artigo anteriorUIP está a recrutar para os seus hotéis
Próximo artigoTenho condições para ser CEO da TAP! disse Christine Ourmières-Widener