O início do ano 2022 revelou uma tendência de aproximação aos níveis registados no período pré-pandémico (…), sendo que em julho de 2022, registou-se o desembarque médio diário de 104,3 mil passageiros nos aeroportos nacionais (95,9 mil no mês anterior), aproximando-se do valor observado em julho de 2019 (105,5 mil). A informação é dada pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), acrescentando que o número de passageiros movimentados nos aeroportos nacionais cresceu 122,5% em julho face ao mesmo mês de 2021 e 269,1% no acumulado desde janeiro. Aliás, refira-se, é a continuação da tendência de aproximação aos níveis pré-pandémicos.

Dos passageiros desembarcados em julho, 81,1% corresponderam a tráfego internacional, na maioria provenientes do continente europeu (68,6% do total). Relativamente aos passageiros embarcados, 79,5% corresponderam a tráfego internacional, tendo como principal destino aeroportos no continente europeu (65,7% do total).

Artigo anteriorEstado alemão decide antecipar privatização da Lufthansa
Próximo artigoParis homenageia Aristides de Sousa Mendes com ‘promenade’