‎A fim de combater ameaças terroristas contra a aviação civil e desenvolver a cooperação policial entre os dois países, ‎‎foi aprovado um acordo entre a Espanha e os Estados Unidos da América sobre a cooperação na implantação de agentes de segurança dentro dos voos para e de os dois países.‎

‎Este tratado internacional pretende estabelecer o quadro de cooperação no combate à criminalidade no campo da segurança da aviação, se as circunstâncias assim exigirem, sendo que o objetivo ‎‎é combater ameaças terroristas contra a aviação civil ‎‎e desenvolver a cooperação policial entre os dois países.‎

O crime organizado em todas as suas formas e o terrorismo internacional são um dos problemas mais graves enfrentados pela comunidade internacional, refere o comunicado do Conselho de Ministros de Espanha e enfatizando que a segurança da aviação é uma das áreas mais sensíveis que exige o fortalecimento da segurança.‎

Artigo anteriorSATA amplia frota com mais um Bombardier Q400
Próximo artigoBritish Airways vai eliminar 10.000 voos no inverno