Num comunicado, o Instituto Nacional de estatística (INE) refere que face a junho de 2019, o setor do alojamento turístico registou diminuições de 2,6% do número de hóspedes e de 0,4% do das dormidas.

Em junho, o mercado interno contribuiu com 2,3 milhões de dormidas, mais 16,5%, e os mercados externos totalizaram 4,8 milhões, mais 241,8%.

O alojamento turístico registou 2,7 milhões de hóspedes e 7,2 milhões de dormidas em junho, mais 97,3% e 110,2% face ao mesmo mês de 2021, contra 162,3% e 221,7% em maio, foi hoje anunciado.

Em relação a junho de 2019, o mercado interno cresceu 7,0% e os mercados externos diminuíram 3,5%, segundo o INE.

Artigo anteriorPunta Cana: são as pessoas que fazem a diferença
Próximo artigoNova edição semanal do Opção Turismo em papel

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui