A AHETA-Associação dos Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve apresentou o resumo da evolução turística referente a junho último.

Segundo os dados provisórios e relativamente a 2021, o mês de junho de 2022 apresentou, nas unidades de alojamento do Algarve, uma taxa de ocupação global média/quarto de 75,5%, 3,3 pontos percentuais abaixo do que o valor registado em 2019 (-4,1%), mas acima do valor médio para o mês.

Comparativamente a 2021, a ocupação média subiu 33,5 p.p. (+80%).

Ainda segundo a AHETA, em junho, a ocupação média dos estabelecimentos de alojamento turístico algarvios subiu 33,5 pontos percentuais, o que traduz um aumento de 80% neste indicador face a mês homólogo de 2021.

O mercado irlandês (+3,3pp) e o mercado britânico (+0,4pp) foram os que apresentaram as maiores subidas face a junho de 2019. As maiores descidas foram as do mercado alemão (-2,8pp) e do nacional (-1,8pp).

Artigo anteriorCVA: avião da TAAG já pode voar para a Europa
Próximo artigoTurismo Fundos lança novos concursos para exploração turística