Início noticias Açores: dormidas em maio último ultrapassam as de 2019

Açores: dormidas em maio último ultrapassam as de 2019

0

O Indicador de Turismo prevê que terão sido registadas, em toda a região, cerca de 277 mil dormidas em alojamentos turísticos em maio, segundo uma informação do Serviço Regional de Estatística dos Açores (SREA) na sua página na Internet.

A mesma nota refere que o número de dormidas em alojamentos turísticos nos Açores, em maio, superou os valores do mesmo mês em 2019, pré-pandemia de covid-19, de acordo com estimativas.

Em maio de 2019, foram registadas 265.731 dormidas nos alojamentos turísticos da região, de acordo com o relatório de atividade turística do SREA relativo a esse mês.

Em comparação com esse período, anterior à pandemia de covid-19, prevê-se um crescimento de 4,2% em 2022.

Já em comparação com maio de 2021, quando se contabilizaram 95.354 dormidas, o crescimento previsto é de 190,5%.

A publicação destaca também o número de passageiros desembarcados nos aeroportos dos Açores, no mesmo mês, provenientes de voos territoriais (do continente português ou da Madeira) e internacionais.

Em maio de 2022, desembarcaram na região quase 10 vezes mais passageiros provenientes de voos internacionais do que no período homólogo, passando de 1.591 para 15.389 passageiros (867,3%).

Quanto ao número de passageiros provenientes do território nacional, foi mais do dobro do registado em maio de 2021, aumentando de 31.768 para 69.431 (118,6%).

O número de passageiros desembarcados nos aeroportos dos Açores em maio de 2022 não superou, no entanto, o registado em maio de 2019.

Em comparação com esse período, houve um decréscimo de 8,4% nos passageiros de voos internacionais (16.793) e de 3% nos passageiros de voos nacionais (71.585).

Artigo anteriorIPDT: Nível de confiança no turismo atinge níveis de 2019
Próximo artigoSe se conseguisse mitigar minimamente os atuais problemas, seria praticamente garantido que iríamos adiar ‘ad aeternum’ a construção de um novo aeroporto

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui