Início principal Falta de mão de obra já afeta companhias de cruzeiros

Falta de mão de obra já afeta companhias de cruzeiros

A chamada crise de pessoal está afetando todos os segmentos da indústria do turismo. São constantes os problemas que as companhias aéreas, aeroportos, hotéis e restaurantes atravessam atualmente. Uma crise que chega agora também às companhias de cruzeiros.‎

De acordo com o ‎Business Insider‎, as empresas de navegação estão a ser forçadas a cancelar itinerários já anunciados e alguns até então com vendas a decorrer, fechar restaurantes/bares e serviços a bordo ou reduzir a sua capacidade devido a dificuldades de contratação.‎

‎Por exemplo, a Carnival Corp. reduziu a sua capacidade nomeadamente nos seus cruzeiros com a marca Cunard‎‎ até pelo menos julho e cancelou mesmo algumas das partidas programadas para os navios Queen Elizabeth e Queen Victoria. Além disso, decidiu fechar temporariamente dois restaurantes em cada navio da Carnival Cruise Line.‎

‎Por sua vez,‎‎ a Norwegian Cruise Line ‎‎também já informou que tem capacidade limitada nos seus cruzeiros.‎

‎Até ao momento, apenas a Holland America e a Royal Caribbean confirmaram que, apesar das dificuldades, esperam poder continuar a operar normalmente.‎