Início Diversos momondo traça o perfil do viajante português

momondo traça o perfil do viajante português

COMPARTILHE

 

Com base no seu International Travel Survey de 2018, um estudo global desenvolvido pela momondo, no qual foram inquiridos uma amostra de cerca de 1.000 portugueses entre os 18 e os 65 anos sobre os seus hábitos de viagens, a momondo apresenta o perfil do típico viajante português.

O referido estudo mostra que metade dos portugueses inquiridos admite procurar inspiração para as férias junto da família e amigos, dando mais importância às suas recomendações do que a qualquer outra fonte sendo que, entre os 36 e os 55 anos, também 50% procuram novas ideias para viagens em websites. Desde novas aventuras em cidades históricas a um merecido descanso ao sol numa ilha paradisíaca, as opções são inúmeras.

Em 2017, 64% dos portugueses ansiava por férias na praia e, em 2018, esta tendência aumenta para 67%. Cerca de 31% optam por escapadelas em cidades e 20% admitem preferir passar o tempo livre no próprio país, ainda que em zonas balneares.

Quanto ao orçamento disponível, 28% do total dos inquiridos portugueses espera gastar entre 501€ e 1000€ nas férias, mas existem excepções: entre os 18 aos 22 anos o orçamento máximo disponível é de 500€, enquanto dos 36 aos 55 anos vai até aos 2000€. A mesma tendência pode ser vista no que diz respeito às escolhas do voo, uma vez que 27% dos inquiridos entre os 18 e os 22 anos optam por voos que tenham já a bagagem incluída no preço final, enquanto os portugueses entre os 36 e os 55 anos (36%) têm preferência pela possibilidade de escolha da hora do voo, mesmo que tal possa inflacionar o preço.

Também no que diz respeito à estada existem as suas diferenças: embora 48% do total dos inquiridos prefira ficar num hotel, 38% dos portugueses dos 18 aos 22 anos prefere alojar-se numa casa alugada, 10% dos portugueses entre os 23 e os 35 anos e 13% entre os 36 e os 55 anos preferem ficar em casas de amigos ou família, e existe ainda uma pequena percentagem (5%) de aventureiros entre os 56 e 65 anos que opta por acampar.

Ao longo dos últimos três anos, Ponta Delgada, nos Açores, tem-se mantido no topo dos destinos preferidos pelos portugueses inquiridos pela momondo para passarem as férias, sendo que em 2018 foi alcançada por outro destino português: a Madeira. Londres, que até agora estava no segundo lugar de preferências, sofreu uma drástica descida para o 5º lugar em 2018, contrariamente a Roma, que subiu do 8º lugar em 2017 para o 6º lugar no presente ano.

Os portugueses têm optado por maioritariamente países europeus e mais próximos, como Espanha e França, sendo que os Estados Unidos e a Tailândia, em 5º e 9º lugar respectivamente na lista de preferências em 2017, se destacam como os destinos mais longínquos.

Para 2018 e com base no estudo da momondo, Portugal – nomeadamente Ponta Delgada e Madeira – continua a ter as preferências dos portugueses. Em segundo lugar aparece a França (Paris) – em 2017 ocupava a 3ª posição – logo seguido pelos Estrados Unidos (Nova Iorque) – 5ª posição em 2017 – e pelo Reino Unido (Londres), que no ano passado era o 2º destino dos portugueses.

No Top 10 para 2018, estão ainda a Itália (Roma), Holanda (Amesterdão), Espanha (Palma de Maiorca e Barcelona) e Grécia (Atenas).

A Tailândia que ocupou, quer em 2016, quer em 2017,a nona posição, não aparece neste ranking da momondo.