COMPARTILHE

Hoje é quarta-feira, 13 de março, septuagésimo segundo dia do ano.
Faltam 293 dias para o final de 2019.
Hoje é o dia do Rodrigo e do Salomão

Principais acontecimentos registados neste dia

Nesta data, em 1781, o astrónomo britânico William Hershel descobria o planeta Úrano. Em 1881, o czar Alexandre II era assassinado por um militante da Vontade do Povo. Em 1905, Margaretha Zella iniciava a carreira artística como bailarina, adoptando o nome de Matta-Hari. Em 1942, na II Guerra Mundial, aviões bombardeiros britânicos lançavam um ataque à cidade alemã de Colónia.
Em 1966, era fundada a União para a Independência Total de Angola (UNITA), sob a presidência de Jonas Malheiro Savimbi. Em 1976, decorriam, no Porto, os trabalhos da cimeira da Internacional Socialista, com os principais líderes europeus, o português Mário Soares, o alemão Willy Brandt, Bruno Kreisky, da Áustria, Olof Palme, da Suécia, e François Mitterrand, da França. Em 1977, morria, num hospital de Praga, o porta-voz da Carta-77 pelos direitos humanos Jan Pattocka.
Em 1987, registava-se, pelo segundo ano consecutivo, a morte de uma pessoa num acidente no Rali de Portugal. Em 1990, o Congresso dos Deputados do Povo da URSS punha fim ao monopólio do Partido Comunista, adoptando o sistema pluripartidário. Em 1996, morriam o embaixador Ruy Teixeira Guerra, 93 anos, e o cineasta polaco Krzysztof Kieslowski, 54 anos, realizador de “O Decálogo”.

Em 1999, Ana Gomes, representante portuguesa em Jacarta, chegava a Díli – era a primeira representante do Estado português a pisar solo timorense desde 1975. Em 2003, entrava em vigor, o novo sistema de comparticipação de medicamentos, em Portugal e era constituída a Fundação Luís Figo, em Lisboa.

Em 2004, uma manifestação espontânea em Madrid, em frente à sede do PP, reunia milhares de pessoas que exigiam a verdade sobre os atentados do dia 11.

Em 2005, a Síria assegurava a retirada total das tropas do Líbano antes das eleições, em maio. E morria, com 68 anos, Taïra Yoshihisa, compositor japonês.

Em 2006, o BCP fazia a Oferta Pública de Aquisição sobre o BPI. O Ministério da Educação apresentava as novas regras de admissão à docência, no Ensino Superior. E, no mesmo dia, morriam Maureen Stapleton, 80 anos, actriz norte-americana, distinguida com um Óscar, um Emmy e dois Tony, e Eduardo Leal Loureiro, 86 anos, médico, antigo dirigente do CDS, primeiro presidente eleito da Câmara de Viseu após o 25 de Abril.

Em 2007, realizava-se em Oeiras a primeira Cimeira Luso-Tunisina. O Papa Bento XVI divulgava o “Sacrametum Caritatis” (O Sacramento da Caridade), o segundo texto mais importante do seu pontificado, em que defende a manutenção do celibato dos padres e a utilização do latim e do canto gregoriano na eucaristia, designadamente em celebrações internacionais. O filme “Rapace”, do realizador português João Nicolau, conquistava o Grande Prémio da IV edição do Festival Europeu de Curtas-metragens de Réus, Espanha.

Em 2008, todas as pessoas casadas ao abrigo da lei portuguesa passavam a poder divorciar-se em poucos minutos através de um portal na Internet. O cantor espanhol Plácido Domingo era eleito o melhor tenor de todos os tempos por um grupo de críticos britânicos para uma sondagem da publicação BBC Music Magazine.

Em 2009, o Governo português anunciava a criação de uma base de dados dos sem-abrigo.

Em 2010, morria, aos 68 anos, o jornalista José Gabriel Viegas, que se destacou antes do 25 de abril nas emissões em português da France Inter, da rádio pública francesa. Morria o cantor francês Jean Ferrat, defensor da ideologia comunista e autor de cerca de 200 canções. Tinha 79 anos.

Em 2013, era inaugurado o observatório ALMA, no Chile. O cardeal arcebispo de Buenos Aires, Jorge Mario Bergoglio, era eleito papa pelos 115 cardeais reunidos em Roma, assumindo o nome de Francisco.

Em 2014, morria, aos 81 anos, Paulo Goulart, actor brasileiro.

Em 2015, morria Tomé de Barros Queirós, cantor, intérprete de “Saudade de Sintra” e “Maria, minha Maria”. Tinha 88 anos.

Em 2017, um crânio com cerca de 400 mil anos era descoberto em Portugal e constituía o fóssil humano mais antigo encontrado no país.