COMPARTILHE

A região da Calábria encontra-se na ponta da “bota”, no extremo sul de Itália, banhada pelos mares de Tirreno e Jónico e separada da Sicília pelo Estreito de Messina.

Detentora de um clima quente, com o colorido dos mares banhando as costas rochosas que alternam com as praias de areia, possuidora de uma natureza selvagem e misteriosa, apresenta os sabores fortes e genuínos de uma gastronomia muito típica que, juntamente com os vestígios da sua origem, tornam esta região um local único que pode ser apreciado tanto de verão como de inverno.

Aqui, encontra-se um pouco de tudo.

Os amantes da natureza podem explorar o interior da Calábria, descobrindo cenários puros e impolutos, onde florestas verdejantes contrastam com os lagos azuis e as quedas de água; aqueles que, por sua vez, preferem os raios quentes do sol e um mergulho nas águas cristalinas, poderão visitar muitas localidades charmosas ao longo da sua costa.

Os mais interessados em história estão no local ideal, berço da Magna Graecia, com imensas igrejas, mosteiros, castelos, palácios e vilas medievais.

São cinco as províncias da Calábria, todas únicas e com muito para oferecer aos seus visitantes: Catanzaro, a capital da região, Reggio Calabria, Cozensa, Crotone e Vibo Valentia, onde se destaca a Vila de Tropea, edificada no topo de uma falésia com 60 metros de altura, com o seu centro histórico bem preservado e as suas ruelas animadas, repletas de comércio e de simpáticas esplanadas, com maravilhosas vistas sobre o mar.

Um destino com muito para fazer e visitar

Os amantes das artes não vão perder a oportunidade de conhecer os bronzes de Riace, em exposição no Museu Nacional de Reggio Calabria. São um importante vestígio da Magna Graecia, uma época que moldou a história desta região. Estas belíssimas estátuas, que representam dois heróis da guerra, são um raro exemplo da escultura clássica grega.

Mas, quando se pensa na Calábria, pensa-se no mar, nas praias e no sol. Com cerca de 800 quilómetros de costa, a Calábria oferece uma enorme variedade de praias. As águas límpidas convidam à prática do windsurf, kitesurf, mergulho e outros desportos náuticos.

O interior da região, com  os seus parques nacionais de Sila, Serre, Aspromonte e Pollino, são imperdíveis, pela sua fauna e beleza natural.

Para os aventureiros, uma experiência de rafting no reio Lao ou uma viagem em parasailing pelas suas extraordinárias paisagens.

Uma gastronomia … picante

A Calábria é uma região de emoções fortes e intensas e isso define também a sua gastronomia.

O pepperrocino, famosa pimenta da região, é utilizada na maioria dos pratos típicos, desde as tostas de salsicha nduja, às massas e pratos de peixe, passando pelas sardinhas, aqui conhecidas como o “caviar dos pobres”.

O sabor forte da pimenta contrasta com o doce de cebola vermelha de Tropea, utilizado não só na culinária como também na cura de algumas doenças.

E, claro está, que não nos podemos esquecer do azeite extra-virgem, dos vinhos, dos licores, dos citrinos e ervas aromáticas, do mel e das compotas e das massas: strangugghj, fileja, maccaruni….

Mais informações AQUI