COMPARTILHE

A Universidade Europeia levou a cabo um estudo sobre o perfil dos Hosted Buyers (decisores estratégicos) que estiveram presentes na Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL) este ano. Verificou-se que um crescimento significativo dos oriundos dos Estados Unidos da América e do Canadá (6,8%) e da China (2,2%). Em termos de representação Portugal continua a ser o país com maior peso, seguindo-se o Brasil (9%), a Espanha/Reino Unido (7%) e ainda a Itália/Rússia (5%).

Os resultados obtidos pelo estudo verificaram que “a maioria dos Hosted Buyers visitou a feira por repetição (56%)” e que a avaliação da presença foi positiva. E termos de alojamento a maioria preferiu ficar por Lisboa, escolhendo maioritariamente hotéis (60,7%), em comparação com aqueles que optaram pela casa de familiares ou amigos (23,6%) ou pelo alojamento local (15,7%).

O principal motivo para visitar a BTL é o de, segundo o estudo, “vontade de fazer negócios, analisar novas oportunidades e aumentar a rede de network”. Para quem visitou a feira pela primeira vez houve também a motivação de conhecer novos destinos, conhecer Portugal ou “simplesmente curiosidade”.