COMPARTILHE

Os números referentes a 2018 já saíram e a avaliação global é um misto de positiva e negativa. Os dados auferidos pela AHETA permitem verificar que a taxa de ocupação dos hotéis e empreendimentos turísticos do Algarve foi de 63,4 por cento em 2018. Valor que, quando comparado com o alcançado em 2017, representa um decréscimo de 1,1%. No entanto está má prestação foi suplantada pelo aumento do volume de negócio, que subiu 3,8 por cento.

Significa que, apesar de se ter regista uma menor taxa de ocupação esta foi vendida a preços superiores aos dos anos anteriores. Logo, maior rentabilidade. A prova está no facto de o RevPar (rendimento por quarto disponível) ter subido 3,3%, situando-se nos 55,1 euros, totalizando 790 milhões de euros e uma facturação bruta total de 1.080 milhões de euros.

Feitas as contas os estabelecimentos hoteleiros e turísticos do Algarve registados oficialmente receberam 4.126 milhões de hóspedes. Sendo que a maioria foram estrangeiros – 3 milhões. Em termos de dormidas no ano passado o Algarve totalizou 20,3 milhões.

A estes números há ainda que acrescentar os estrangeiros que não pernoitaram em empreendimentos classificados oficialmente – 1,26 milhões.

2019:  aumento de 2% do volume de negócios

Tendo por base os dados recolhidos a AHETA prevê que este ano os preços subam 1,5% representando um aumento de 2 por cento no volume de negócios. O que se traduzirá numa situação estável em termos financeiros para as empresas da região (embora possa ocorrer um melhoramento dos resultados líquidos).

Em termos de mercados emissores a indefinição da saída do Reino Unido da União Europeia – Brexit – está a condicionar a entrada de turistas britânicos na região. Considerado o melhor mercado emissor para o Algarve desceu, no ano passado, 6%, a par da Irlanda (- 8,5%) e da Holanda (- 3,5%). Quedas que foram atenuadas pelo mercado francês, que se assumiu como sendo o sexto mercado mais importante, e pela procura do mercado interno. Os portugueses representaram 22,2% das dormidas registadas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here